Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Navigator pondera reduzir investimento em Portugal

A subida dos preços da luz está a tornar a Navigator menos competitiva no mercado global. Empresa ponderar cortar o investimento em Portugal.

Navigator
Negócios 17 de Setembro de 2021 às 16:28
  • Partilhar artigo
  • 9
  • ...
A escalada dos preços da luz está a fazer a Navigator ponderar reduzir o investimento em Portugal. A empresa da área da pasta e do papel admitiu ao ECO que a crise energética, que fez disparar os preços no mercado grossista ibérico, está a afetar o negócio e a torná-la menos competitiva no mercado global.

"Sentimos desde já um aumento de custos que naturalmente se traduzirá em menor competitividade da nossa proposta de valor no mercado internacional. Temos menos espaço para investir e crescer, não só porque estamos a aplicar os nossos fundos nestes sobrecustos, como os eventuais investimentos em Portugal ficam menos atrativos", admitiu fonte da empresa àquela publicação.

A Navigator adianta ainda que a escalada do preço da luz vai inveitavelmente refletir-se no preço final do produto, acabando por impactar o consumidor. Este mês, a empresa - cotada na bolsa de Lisboa e a terceira maior exportadora portuguesa em 2020 - já aumentou os preços do papel na Europa em até 6%.

Os preços da eletricidade têm sofrido aumentos sucessivos nos últimos meses devido a vários fatores, nomeadamente a subida dos custos das licenças de emissão de carbono e do preço do gás natural, que também está em máximos, devido à elevada procura a nível mundial.

O preço também reflete a escassez de vento para produzir energia eólica, tendencialmente mais barata. Esta acaba por ser compensada com o aumento da produção hidroelétrica e das centrais de ciclo combinado, que dependem, precisamente, de gás natural.


Os especialistas estimam que os preços do mercado ibérico continuem elevados até ao final de 2021.
Ver comentários
Saber mais Navigator Portugal energia
Outras Notícias