Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Hackers roubam 780 gigas de informação à Eletronic Arts

A empresa garante que os dados dos seus utilizadores não foram comprometidos. Ao todo terão sido roubados cerca de 780 GB de informação confidencial entre códigos e ferramentas internas.

João Ruas Marques 10 de Junho de 2021 às 20:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A empresa de videojogos Electronic Arts (EA) - conhecida, entre outros, pelo jogo FIFA21 - foi esta quarta-feira alvo de um ataque informático que deu aos hackers acesso ao código informático de vários jogos e ferramentas de trabalho internas.

A notícia foi avançada esta quinta-feira pela revista Vice.

Outros órgãos de comunicação, como a publicação espanhola da especialidade Vandal, dão conta de alguns dos trabalhos roubados. Entre eles estão o código base do jogo FIFA21 e dos seus servidores online, e o código do Frostbyte - o motor utilizado na maioria das produções do estúdio.

Ao todo, os hackers terão tido acesso a 780 gigabites de informação confidencial.

Pouco mais se sabe sobre o ciberataque que sofreu a produtora de jogos icónicos como a saga Sims ou Battlefield, e a própria EA recusou comentários aos órgãos de comunicação social mas, através de um breve comunicado, garante que os dados pessoais dos seus utilizadores não foram comprometidos.

A Vandal adianta ainda que os hackers terão colocado os códigos à venda, mas que só entrarão em diálogo com "membros sérios e reputados" da empresa.




Ver comentários
Saber mais Electronic Arts hackers ciberataques
Outras Notícias