Tecnologias Twitter surpreende no primeiro trimestre com crescimento dos utilizadores

Twitter surpreende no primeiro trimestre com crescimento dos utilizadores

A rede social do pássaro azul conseguiu superar as expectativas dos investidores: tanto as receitas como o número de utilizadores relativos ao primeiro trimestre ultrapassaram as estimativas.
Twitter surpreende no primeiro trimestre com crescimento dos utilizadores
Reuters
Negócios 23 de abril de 2019 às 13:16

O Twitter apresentou receitas acima do esperado relativas ao primeiro trimestre do ano. Mas além das receitas, houve outro número inesperado que agradou aos investidores: os utilizadores ativos, que dão sinais de sustentabilidade da rede social.

O Twitter conseguiu lucros de 191 milhões de dólares (cerca de 169,8 milhões de euros), o que equivale a 0,25 dólares por ação. Nos primeiros três meses do ano anterior, a rede social liderada por Jack Dorsey tinha ficado pelos 61 milhões, ou 0,08 dólares por ação.

O número de utilizadores ativos no Twitter aumentou 9 milhões em comparação com o trimestre anterior, até atingir os atuais 330 milhões. Os analistas esperavam uma quebra de 2,2 milhões, de acordo com os dados da Refinitiv, citados pela Reuters.

A rede social contava cessar a divulgação deste número já a partir do próximo trimestre, limitando-se a revelar o número de utilizadores "monetizáveis", isto é, aqueles sobre os quais se pode quantificar o valor tendo em conta a quantidade de publicidade à qual estão expostos. No caso destes utilizadores, a subida foi de 12%, em relação ao período homólogo.

Já no que toca às receitas, o salto foi de 18% em comparação com o mesmo período do ano anterior, cifrando-se nos 787 milhões de dólares. As estimativas em Wall Street apontavam para os 776,1 milhões.

As vendas de publicidade foram as grandes impulsionadoras das receitas, ao subirem também 18% até aos 679 milhões de dólares. No mercado dos Estados Unidos, esta rubrica disparou 26%.  

A pesar na área da despesa estão os custos operacionais, os quais o Twitter prevê que aumentem tendo em conta os esforços para minimizar comportamentos abusivos por parte dos utilizadores. Em comparação com os primeiros três meses de 2018, esta rubrica encareceu 18% para os 693 milhões de dólares.

O Twitter tem tentado melhorar a qualidade da plataforma ao remover milhares de contas de spam ou de alguma forma suspeitas. "De momento estamos a remover 2,5 vezes mais tweets que partilham informação pessoal e 38% dos tweets abusivos são eliminados todas as semanas e estão a ser proativamente detetados por modelos de machine learning (aprendizagem automatizada)", declarou o CEO, Jack Dorsey.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI