Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

UpHill fecha ronda de financiamento de 3,5 milhões de euros

A startup portuguesa da área das tecnologias da saúde quer avançar para o mercado estrangeiro e reforçar a qualidade dos cuidados de saúde. A ronda foi liderada pela Brighteye Ventures e o fundo Mustard Seed Maze.

A equipa da UpHill
Marta Velho martavelho@negocios.pt 13 de Setembro de 2021 às 14:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A UpHill fechou um novo financiamento, no valor de 3,5 milhões de euros, numa ronda liderada pela capital de risco luxemburguesa Brighteye Ventures e o fundo português de investimento social Mustard Seed Maze. Participaram também os anteriores investidores da empresa: a Bynd Venture Capital, a Caixa Capital e o Grupo Luz Saúde.

O dinheiro angariado vai servir para a startup portuguesa de tecnologia da saúde (health tech) escalar a solução em instituições estrangeiras e reforçar a qualidade dos cuidados de saúde. A empresa aumenta assim a almofada financeira, um mês depois de lhe ter sido aprovado um incentivo de um milhão de euros em fundos europeus para um projeto de inteligência artificial destinado a otimizar algoritmos de suporte à decisão clínica, no âmbito do programa Portugal 2020.
 
Com esta ronda, a UpHill vê, pela primeira vez, a entrada de capital estrangeiro na estrutura da empresa. Alexo Spiro Latsis, partner da Brighteye Ventures acredita que a startup portuguesa "capitaliza o profundo conhecimento em saúde, para resolver desafios reais, de um setor em rápida e constante evolução e que enfrenta novas exigências todos os dias", indica, em comunicado, manifestando satisfação "por a UpHill nesta fase em que se está a expandir para novos mercados e continua a desenvolver sua ferramenta e a equipa, para ajudar os profissionais de saúde a ultrapassar desafios complexos com confiança, todos os dias, em qualquer lugar". 

Fundada em 2015 por três médios, a UpHill propõe-se a melhorar a produtividade dos profissionais de saúde simplificando os processos na prática clínica. "A nossa solução funciona como um GPS dos cuidados de saúde que fornece, em tempo real, orientações multidisciplinares, baseadas em evidência, sobre o caminho que deve ser seguido por cada paciente em particular.

Consequentemente, os profissionais de saúde aumentam a adesão às melhores práticas clínicas, as unidades de saúde reduzem o desperdício injustificado e os resultados dos doentes tornam-se mais previsíveis", explica Eduardo Freire Rodrigues, CEO e cofundador.

Este ano, a UpHill quadruplicou o número de utilizadores ativos e mais que duplicou as receitas mensais recorrentes. Em 2019, tinha já recebido um financiamento de 600 mil euros. Atualmente, a startup portuguesa tem presença consolidada no setor hospitalar em Portugal, ao qual se juntam multinacionais farmacêuticas como a Novartis ou a Pfizer, com projetos a decorrer em vários países europeus.
Ver comentários
Saber mais Mustard Seed Maze Brighteye Ventures UpHill saúde financiamento
Outras Notícias