Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vendas da Amazon voltam a superar 100 mil milhões e lucros disparam 224%

A retalhista online superou as expectativas dos analistas em toda a linha. As vendas superaram pelo segundo trimestre consecutivo os 100 mil milhões de dólares, com a expansão do e-commerce decorrente da pandemia.

Getty Images
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 29 de Abril de 2021 às 21:31
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Amazon anunciou esta quinta-feira mais um trimestre de fortes resultados, numa altura em que os consumidores continuaram a acorrer mais à plataforma de comércio eletrónico por força dos confinamentos.

 

A retalhista online reportou um aumento de 224% no resultado líquido do primeiro trimestre, que se fixou em 8,107 mil milhões de dólares, contra 2,535 mil milhões no mesmo período do ano passado.

 

O lucro por ação ascendeu a 15,79 dólares – quando as projeções do consenso de mercado colocavam esse valor nos 9,54 dólares. No trimestre homólogo de 2020, o lucro por ação foi de 5,01 dólares.

 

E o mesmo aconteceu com as receitas, com a empresa de comércio eletrónico liderada por Jeff Bezos (que deixará o cargo de CEO no terceiro trimestre) a reportar um aumento de 44% do volume de negócios, para 108,5 mil milhões de dólares, contra expectativas de 104 mil milhões.

 

No quarto trimestre de 2020 (que abrangeu o período das compras natalícias) tinha sido a primeira vez que a Amazon registou vendas acima de 100 mil milhões de dólares. E agora manteve essa trajetória entre janeiro e março.

  

Para o trimestre em curso, a Amazon projeta vendas líquidas entre 110 e 116 mil milhões de dólares, quando as estimativas do mercado apontavam para 108,35 mil milhões.

 

Os investidores gostaram dos números e as ações da Amazon seguem a somar 3,75% para 3.591 dólares no "after-hours" da bolsa nova-iorquina, depois de terem encerrado no horário regular da sessão desta quinta-feira a somar 0,37% para 3.471,31 dólares.

Ver comentários
Saber mais Amazon
Outras Notícias