Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

"Cá por mim que continuem a aumentar licitações" no 5G que já atingiram 350 milhões

O ministro das Infraestruturas mostrou-se satisfeito com a evolução do leilão que vai permitir o 5G.

José Sena Goulão/Lusa
Alexandra Machado amachado@negocios.pt 24 de Março de 2021 às 18:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas, mostrou-se, no Parlamento, satisfeito com o dinheiro que está a ser conseguido no leilão que integra frequências para o 5G.

"As operadoras queixam-se mas é um problema das operadoras", comentou o ministro que tutela as telecomunicações, lembrando que o leilão está perto dos 350 milhões de euros. Na 50.ª licitação, a de hoje, ficou nos 349 milhões, considerando o valor já conseguido com a licitação dos novos entrantes que arrecadou 84,3 milhões de euros.

"Vamos com 350 milhões", mas "cá por mim que continuem a aumentar licitações", declarou Pedro Nuno Santos, salientando que "precisamos de dinheiro que vamos investir noutros objetivos", exemplificando com a "necessidade de conseguirmos cobrir todo o território com fibra ótica".

Por isso, salientou, "estou muito contente com o decurso do leilão".

E garantiu não ter "qualquer problema com o regulador, não tenho", para concluir: "não sei qual é o problema que vê no leilão de 5G".

Com o dinheiro conseguido na licitação de hoje, o leilão vai já com um valor de 349 milhões de euros, sendo que 110 milhões de euros já foram conseguidos nesta fase que decorre nas frequências que servem o 5G. Este é um leilão multifaixa, sendo que algumas visam prestação de tecnologias já antes em funcionamento.

Ver comentários
Saber mais 5G Pedro Nuno Santos Parlamento telecomunicações
Outras Notícias