Transportes O que muda nos transportes de Lisboa?

O que muda nos transportes de Lisboa?

Os passes dos transportes públicos da Área Metropolitana de Lisboa ficam mais baratos a 1 de abril. Para as famílias só em julho.
O que muda nos transportes de Lisboa?
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 19 de março de 2019 às 10:55

Passes a 30 e 40 euros

O passe único em Lisboa passa a ter apenas duas configurações: o "Navegante municipal", para viagens dentro do concelho, com um custo de 30 euros, e o "Navegante metropolitano", para toda a área metropolitana, com um custo de 40 euros. Até aos 12 anos o Navegante é grátis, e a partir dos 65 anos custará 20 euros. Isto já era aplicado em Lisboa, mas é agora alargado a toda a área metropolitana.

Títulos para família só em julho

Se a maioria dos novos preços entra em vigor em abril, os títulos família – que num agregado permite que se paguem apenas dois passes – só arrancam em julho, devido a questões técnicas necessárias para a sua operacionalização. Haverá o "Navegante municipal família", de 60 euros, e o "Navegante metropolitano família", de 80 euros.

Operadores de 18 municípios

O novo sistema de passes abrange todos os operadores de transportes dos 18 municípios da Área Metropolitana de Lisboa: Alcochete, Almada, Amadora, Barreiro, Cascais, Lisboa, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odivelas, Oeiras, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, Sintra e Vila Franca de Xira.


Período transitório

Os novos passes começam a ser vendidos a 26 de março. Para assegurar o período transitório da implementação do novo sistema tarifário metropolitano, os transportes da Área Metropolitana vão ter no mês de abril um passe com o preço de 10 euros e validade de sete dias, "a vigorar após o termo do título deslizante e a comercializar a partir do dia 8 de abril de 2019 e até ao final desse mês".




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI