Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Projeto da nova linha de metro em Gaia atrai 11 candidatos

Financiada pela bazuca europeia, a futura linha entre a Casa da Música e Santo Ovídio vai custar 299 milhões de euros. Prevê a construção de uma nova ponte sobre o Douro e deve ficar pronta até ao final de 2025.

António Larguesa alarguesa@negocios.pt 16 de Junho de 2021 às 16:47
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Metro do Porto recebeu 11 propostas no concurso público para o projeto da linha Casa da Música – Santo Ovídio, a nova ligação entre o Porto e Vila Nova de Gaia que representa um investimento total de 299 milhões de euros e que integra o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) português.

 

As 11 concorrentes vão agora ser avaliadas pelo júri, que remeterá as conclusões ao conselho de administração da transportadora. O valor base deste concurso era de 4,8 milhões de euros, sendo que o objetivo passa por lançar o concurso para a empreitada nos primeiros meses de 2022.

 

Conhecida como a segunda linha de Gaia, a ligação entre as zonas da Boavista e do Campo Alegre, no Porto, e Santo Ovídio, na margem sul do Douro, prevê a construção de uma nova ponte sobre o rio – localizada a 500 metros a nascente da Ponte da Arrábida e dedicada também a peões – no valor de 50 milhões de euros.

 

Com uma extensão de seis quilómetros, a nova linha conta com sete estações: Casa da Música, Campo Alegre, Arrábida, Candal, Rotunda VL8, Devesas e Soares dos Reis. Vai servir uma das zonas mais populosas da área metropolitana, aliviar a tensão na Linha Amarela (entre o Hospital de São João e Santo Ovídio) e criar um novo interface modal em Gaia, pela ligação à estação de comboios das Devesas.

 

Num comunicado emitido esta quarta-feira, 16 de junho, a Metro do Porto sublinha que esta é uma das principais obras que o governo português incluiu na chamada "bazuca" europeia. O plano aprovado esta manhã por Bruxelas prevê que esta linha comece a ser construída em 2023 e que fique concluída até ao final de 2025.

 

A empresas de transportes presidida por Tiago Braga prevê ainda que esta linha consiga atrair para a rede cerca de 325 mil novos clientes por dia, aproximadamente 120 milhões por ano.
Ver comentários
Saber mais transportes Metro do Porto Tiago Braga Gaia concurso público PRR bazuca financiamento Comissão Europeia
Outras Notícias