Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsas norte-americanas negoceiam em queda; Nasdaq desce 0,77% (act.)

As Bolsas americanas negociavam em descida, com o Dow Jones a retrair 0,63% e o Nasdaq a ceder 0,77%, após a desvalorização de 3,16% sofrida ontem. A Intel, que na véspera caiu 5%, voltava a escorregar 0,8%, e a Nortel afundava 17%.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 28 de Agosto de 2002 às 14:52
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As Bolsas americanas negociavam em descida, com o Dow Jones a retrair 0,63% e o Nasdaq a ceder 0,77%, após a desvalorização de 3,16% sofrida ontem. A Intel, que na véspera caiu 5%, voltava a escorregar 0,8%, e a Nortel afundava 17%.

O Nasdaq [CCMP] marcava 1.337,45 pontos, enquanto o Dow Jones [INDU] cotava nos 8.768,58 pontos.

O mais abrangente S&P 500, que nas últimas três sessão caiu por duas vezes, descia hoje 0,71% para os 928,19 pontos, elevando para mais de 19% a desvalorização acumulada ao longo do ano.

Ontem, o índice industrial caiu 1,06% e o Nasdaq desceu 3,16%, depois do Conference Board ter anunciado que o índice que mede a confiança dos consumidores norte-americanos desceu em Agosto para um valor que falhou as estimativas dos analistas.

As acções da Intel que na véspera afundaram 5,24%, voltavam a acumular uma queda adicional de 0,8% a cotarem nos 17,03 dólares (17,38 euros), depois de responsáveis da empresa terem anunciado um crescimento «modesto» nos lucros do terceiro trimestre.

A Nortel, o segundo maior fabricante de equipamentos de telecomunicações, anunciou que as receitas no terceiro trimestre fiscal deveriam sofrer uma queda de 10%, contra as anteriores previsões que apontavam para uma manutenção.

A empresa canadiana disse igualmente que iria proceder ao corte de 7 mil funcionários. As acções da Nortel desciam 17% para os 1,02 dólares (1,04 euros).

Arrastadas pelo sentimento do sector, a Corning caía 6,9% para os 2,13 dólares (2,17 euros), a Avaya descia 0,9% para os 2,03 dólares (2,07 euros), a PMC-Sierra deslizava 4,57% para os 7,51 dólares (7,66 euros), a Lucent Technologies recuava 4,76% para os 1,80 dólares (1,84 euros) e a JDS Uniphase decrescia 4,13% até aos 2,80 dólares (2,86 euros).

A petrolífera Exxon Mobil caía 1,35% para os 36,40 dólares (37,15 euros). Segundo um responsável da Organização dos Países exportadores de Petróleo (OPEP), o cartel poderá vir a aumentar a produção de crude no próximo mês para prevenir um aumento dos preços, num cenário de maior procura.

A Hewlett Packard subia 0,84% para 14,33 dólares (14,63 euros). Ontem, já após o fecho do mercado, a empresa que recentemente procedeu à compra da Compaq Computer, anunciou resultados trimestrais que foram ao encontro das expectativas dos analistas.

Outras Notícias