Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

"Estamos determinados em investir em Portugal". Maior plataforma cripto do mundo reforça presença no país

O centro ibérico da Binance está a dar os passos para cumprir a promessa feita pelo seu CEO, Changpeng Zhao, no final do ano passado, e prepara-se para expandir a presença em Portugal.

Pedro Catarino
Fábio Carvalho da Silva fabiosilva@negocios.pt 20 de Janeiro de 2022 às 09:30
  • Partilhar artigo
  • 4
  • ...
A Binance, a maior plataforma de criptomoedas do mundo, juntou-se à Aliança Portuguesa de Blockchain, uma associação sem fins lucrativos que inclui, entre outras empresas, a Microsoft, Vodafone, BBVA, Everis e mais de 20 grandes escritórios de advogados a operar em Portugal.

Para a Binance, "Portugal é um centro tecnológico para toda a Europa e queremos contribuir para o desenvolvimento deste ecossistema de ponta", pode ler-se no comunicado enviado ao Negócios.

No mesmo documento, Alberto Ortiz, Country Head of Binance da Ibéria, assegura que a empresa está determinada "em investir em Portugal, a contratar talento local e a promover projetos blockchain lançados por empreendedores portugueses".

Já Rui Serapicos, presidente da Aliança Portuguesa de Blockchain, garante na mesma nota de imprensa que a organização está pronta para "apresentar todos os ‘stakeholders’ do ecossistema blockchain local à Binance e também para colaborar com eles no lançamento de alguns programas de formação promissores em blockchain e crypto".

Com a entrada da plataforma nesta aliança que conta com grandes tubarões do mercado português, a Binance começará desde logo e nos próximos tempos a lançar "programas de formação em blockchain e cripto, de mãos dadas com a Aliança Portuguesa de Blockchain e as mais prestigiadas Universidades e Escolas de Negócios do país".

Recorde-se que são associados desta organização as mais destacadas instituições académicas portuguesas, como a Universidade Católica, Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG) e a Universidade Nova de Lisboa.Os detalhes do programa e das iniciativas serão apresentados nas próximas semanas.

Ao dar este passo, a Binance prossegue com a promessa feita pelo seu CEO, Changpeng Zhao, que no final do ano passado, assegurou, em entrevista ao Negócios, que "queremos expandir a nossa presença cá. É algo em que estamos muito interessados".

"Gostaríamos muito de estabelecer-nos fisicamente aqui, de ter uma presença local e conseguir licenças. Queremos oferecer os nossos serviços localmente e ter uma moeda local. Adoraríamos", acrescentou "CZ", como também é conhecido pelos fãs.

Este posicionamento ocorre numa altura em que a plataforma procura a sua sede a nível mundial. Se Portugal pode ser uma hipótese é algo que a Binance não desvenda. A imprensa internacional tem, no entanto, apontado o Dubai como a escolha de CZ, já que o CEO comprou há muito pouco tempo a sua primeira casa na região, justificando que a mesma é "amiga das cripto".
Ver comentários
Saber mais Everis Vodafone Aliança Portuguesa Microsoft Binance da Ibéria BBVA
Outras Notícias