Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Media Capital desmente pedido de registo oficial de OPV para hoje

Media Capital, empresa de media liderada por Miguel Paes do Amaral negou ao Canal de Negócios (www.negocios.pt) que vai pedir hoje, oficialmente, o registo de admissão à cotação das suas acções à Comissão dos Mercados de Valores Mobiliários (CMVM).

Ricardo Domingos rdomingos1@gmail.com 25 de Fevereiro de 2004 às 17:33
  • Partilhar artigo
  • ...

Media Capital, empresa de media liderada por Miguel Paes do Amaral negou ao Canal de Negócios (www.negocios.pt) que vai pedir hoje, oficialmente, o registo de admissão à cotação das suas acções à Comissão dos Mercados de Valores Mobiliários (CMVM).

A empresa que controla a estação televisiva TVI vem assim desmentir uma notícia avançada pela revista «Prémio» no seu «site» que dava conta do pedido a formalizar hoje.

«A Media Capital desmente que hoje anuncie o pedido de registo para a entrada em bolsa à CMVM», esclareceu ao Canal de Negócios (www.negocios.pt) fonte oficial da empresa.

A mesma fonte remeteu para os próximos dias informações sobre a intenção ou não de avançar com a Oferta Pública Inicial.

A Media Capital anunciou em Janeiro que pretendia efectuar a sua oferta pública de inicial (IPO) no segundo trimestre de 2004. A estrutura accionista da Media Capital é composto pela Vertix - uma holding pessoal de Miguel Paes do Amaral -, pela Valores Bavária - um grupo de capital colombiano - e pela Hicks Muse, Tate & Furst - uma capital de risco norte-americana, ligada ao sector dos media.

Miguel Paes do Amaral, presidente da empresa, sempre manifestou intenção de dispersar o capital da empresa em bolsa, quando a situação do mercado o permitisse.

Para além da TVI, a empresa controla ainda, entre outras, a Rádio Comercial, o portal IOL, a revista Maxmen, a produtora NBP e 50% da Castelo Lopes Filmes.

Além da Media Capital, também a Air Luxor, a Investec e a REN devem dispersar capital na Bolsa nacional este ano.

Ver comentários
Outras Notícias