Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Juros a dez anos recuam, mas prémio de risco avança

Na primeira sessão depois da revisão da Fitch à dívida portuguesa, os juros da dívida estão maioritariamente em queda. Uma tendência que "esconde" a subida do prémio de risco, numa semana em que os investidores aguardam por mais medidas do BCE.

portugal bandeira
Bloomberg
André Tanque Jesus andrejesus@negocios.pt 07 de Março de 2016 às 08:59
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

As taxas de juro da dívida soberana portuguesa estão em queda esta segunda-feira, 7 de Março. Uma tendência registada em quase todas as maturidades, sendo que a taxa a 10 anos mantém-se, ainda assim, acima da fasquia de 3%. E o prémio de risco está mesmo a subir, após o corte da Fitch à perspectiva para o "rating" de Portugal.

Após a ligeira subida na última sessão, a "yield" de Portugal a dois anos cai 4,2 pontos base para 0,587%. Numa sessão em que os juros recuam em quase todas as maturidades, os títulos a cinco anos são uma das excepções. A taxa de juro sobe 2,4 pontos para 1,905%.

Mas o destaque vai para as obrigações do Tesouro com prazo a dez anos. A "yield" desliza pontos para 3,075%. Em queda está também a taxa de juro das obrigações alemãs a 10 anos, ao recuar 3,5% para 0,199%. Assim, o prémio de risco de Portugal está a subir para 287,9 pontos.

Um desempenho negativo, depois de a Fitch ter revisto em baixa a perspectiva para o "rating" de Portugal. Na passada sexta-feira, 4 de Março, a agência de notação financeira cortou-a de "positiva" para "neutral", tendo mantido o "rating" no último nível de "lixo": "BB+".

A pesar no sentimento dos investidores está também a expectativa de que o Banco Central Europeu (BCE) venha a apresentar mais estímulos na próxima quinta-feira, 10 de Março. Algo que deverá pressionar ainda mais os juros da dívida em toda a Zona Euro, com a instituição a manter-se um comprador activo no mercado de obrigações.

Ver comentários
Saber mais juros da dívida dívida portuguesa Portugal Espanha Itália Alemanha prémio de risco taxas de juro obrigações mercados
Mais lidas
Outras Notícias