Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bridgewater aposta mais de mil milhões de dólares na queda dos mercados

Numa altura em que os índices norte-americanos têm vindo a tocar máximos históricos, os investidores estão a prever quedas até março do próximo ano.

Negócios com Bloomberg 22 de Novembro de 2019 às 12:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

A Bridgewater Associates apostou mais de mil milhões de dólares - cerca de 900 milhões de euros – na queda dos mercados acionistas até março, de acordo com fontes próximas citadas pela Bloomberg.

 

A aposta, que foi sendo construída ao longo de alguns meses e executada por bancos como o Goldman Sachs e o Morgan Stanley, vai dar retorno à gestora de investimentos caso o S&P500 e o Stoxx50, ou ambos, desvalorizem.

 

A Bridgewater reuniu um conjunto de opções de venda, as quais lhe dão o direito de alienar as ações a um preço específico numa data previamente acordada. Estas expiram em março e representam uma das maiores apostas na queda existentes atualmente no mercado, afirma a Bloomberg.

 

A gestora de investimentos pagou cerca de 1,5 mil milhões de dólares, o equivalente a 1% dos 150 mil milhões de dólares que se encontram sob gestão na empresa Westport. A remuneração que a Bridgewater vai receber está dependente de vários fatores, entre os quais a magnitude de eventuais quedas.

 

As opções de venda associadas ao índice norte-americano S&P500 têm ganho popularidade, numa altura em que o índice continua a bater sucessivos recordes – alimentando as perspetivas de que se avizinhe uma correção. A quantidade destes ativos atingiu um máximo de mais de quatro anos em setembro. O interesse em opções de venda que expiram em março também tem crescido

Ver comentários
Saber mais Bridgewater Bloomberg S&P500 economia negócios e finanças bolsa
Outras Notícias