Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Excedente comercial da Zona Euro encolhe para 1,5 mil milhões

As exportações dos países da moeda única cresceram 2,5% em janeiro. Mas as importações avançaram mais depressa. No conjunto da União Europeia, o défice comercial agravou-se.

Bruno Simão
Margarida Peixoto margaridapeixoto@negocios.pt 18 de Março de 2019 às 11:46
  • Partilhar artigo
  • ...
O excedente comercial da Zona Euro encolheu em janeiro deste ano para cerca de metade, quando comparado com o que tinha sido registado no mesmo mês de 2018, mostram os dados publicados esta segunda-feira pelo Eurostat. Segundo o organismo de estatística europeu, a primeira estimativa das exportações da Zona Euro mostra um crescimento de 2,5%, que compara com uma subida de 3,4% das importações. Feitas as contas, o excedente comercial foi de 1,5 mil milhões de euros.

No conjunto da União Europeia, o défice comercial agravou-se, tendo passado de 21,4 mil milhões de euros, para 24,9 mil milhões. As exportações cresceram 2,1%, mas as importações de fora do espaço comunitário subiram 3,9%.

O Eurostat dá conta de um aumento do excedente comercial com o Estados Unidos, o principal parceiro da UE, para 11,5 mil milhões de euros em janeiro, face aos 10,1 mil milhões que se registavam no mesmo mês do ano passado. Contudo, em relação à China, o défice comercial agravou-se. As exportações para a economia de Pequim subiram 10%, mas as importações, já de si mais elevadas, avançaram 5,7%. O défice comercial registado no primeiro mês deste ano com a China foi de 21,4 mil milhões de euros, um valor mais negativo do que os 20,8 mil milhões verificados em janeiro de 2018.

Excedente comercial mais curto em 2018

Olhando para o conjunto do ano de 2018, o Eurostat também confirma uma redução do excedente comercial da Zona Euro face ao resto do mundo, apesar de as exportações terem continuado a crescer (3,7%). Com o aumento de 6,6% das compras fora da zona da moeda única, o excedente encolheu de 240,8 mil milhões de euros, para 193,4 mil milhões de euros.

No conjunto da União Europeia, o saldo comercial passou de excedente em 2017, para um défice em 2018. As exportações aumentaram 4,1% em termos anuais, mas as importações alcançaram 6,6%. Como resultado, os 28 Estados-membros registaram um défice de 24,6 mil milhões de euros, comparado com o excedente de 22,1 mil milhões de euros que tinham conseguido em 2017.
Ver comentários
Saber mais Zona Euro Comércio internacional Exportações Importações
Outras Notícias