Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

As quatro modalidades de testes para ir a restaurantes e hotéis

São quatro as modalidades de testes que permitem assegurar a entrada em restaurantes e estabelecimentos hoteleiros. Os autotestes passarão também a ser vendidos nos supermercados, contudo não se sabe ainda a partir de quando será feita essa comercialização.

António Cotrim
David Santiago dsantiago@negocios.pt 08 de Julho de 2021 às 18:44
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...

Para o acesso a restaurantes (a partir das 19:30 de sexta-feira e durante todo o fim de semana) e a estabelecimentos da hotelaria (todos os dias da semana) passa a ser obrigatória a apresentação do Certificado Digital Covid ou de testes negativos ao novo coronavírus, de acordo com a decisão tomada esta quinta-feira pelo Governo. 

No caso dos testes, serão quatro as "modalidades" permitidas, segundo adiantou a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, no final do Conselho de Ministros. A primeira e segunda possibilidades consistem na apresentação de um teste PCR com 72 horas ou antigénio com 48 horas. 

Em alternativa há ainda duas outras hipóteses: "fazer presencialmente um auto-teste perante o responsável pela entrada naquele estabelecimento ou fazer um auto-teste perante um profissional de saúde ou farmácia que fique registado", especificou Mariana Vieira da Silva.

Já o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, revelou que a compra de auto-testes passará também a poder ser feita em supermercados, contudo o governante disse que não se sabe a partir de quando estarão reunidas as condições necessária para ser feita essa venda. 

As crianças até aos 12 anos de idade acompanhadas, assim como os trabalhadores dos estabelecimentos, não têm de realizar testes. 

Ver comentários
Saber mais Testes Restaurantes Hotéis
Outras Notícias