Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

UE volta a impor restrições a viajantes oriundos dos Estados Unidos

O aumento de novos casos de covid-19 nos EUA leva Bruxelas a recomendar a que os Estados-membros voltem a impor as restrições que vigoraram até junho para os viajantes vindos da maior economia mundial.

As companhias aéreas reforçaram a capacidade depois de Portugal ter sido incluído na lista verde do Reino Unido.
Pedro Nunes/reuters
Negócios 30 de Agosto de 2021 às 17:14
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
Uma maioria qualificada de representantes dos países da União Europeia aprovou uma recomendação para que sejam reimpostas as restrições às viagens não-essenciais de pessoas oriundas dos Estados Unidos, indica a Comissão Europeia em comunicado esta segunda-feira.

Os EUA registaram uma incidência de 588 novos casos por 100 mil habitantes nas duas semanas terminadas a 22 de agosto, um valor muito acima do limite das orientações europeias que é de 75, segundo os dados do Centro Europeu para a Prevenção e Controlo de Doenças.

A decisão desta segunda-feira tomada constitui apenas uma recomendação, cabendo a cada Estado-membro determinar que medidas escolhe ou não aplicar aos viajantes oriundos dos EUA, podendo, por exemplo, levar em conta o comprovativo de vacinação para não aplicar restrições.

As potenciais restrições a visitantes provenientes da maior economia mundial constitui mais um duro golpe para o setor do turismo, bem como para as companhias aéreas e agências de viagem.
Ver comentários
Outras Notícias