Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Alemanha com número recorde de imigrantes em 2016

A população estrangeira residente na Alemanha ascendeu a 10,6 milhões no final de 2016, o valor mais elevado de sempre, indicou esta quinta-feira o Gabinete Federal de Estatística (Destatis) alemão. Comunidade portuguesa é de 136 mil.

2º - Alemanha (75,3/100)
Michele Tantussi
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 12 de Abril de 2018 às 16:18
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

Segundo os dados revelados esta quinta-feira, em 2016 cerca de um em cada oito dos 82 milhões de residentes na Alemanha tinha nacionalidade estrangeira.

O saldo migratório líquido em 2016 cifrou-se em 500 mil, muito abaixo dos 1,4 milhões observados no ano anterior. No ano passado, a Alemanha recebeu 1,865 milhões de imigrantes(-13% do que em 2015), enquanto o número de emigrantes foi de 1,365 milhões (+37%).

Desde 2014, mais de 1,6 milhões de pessoas que pediram asilo, a maioria do Médio Oriente e países africanos, entraram no país.

Ainda assim, a subida no número de estrangeiros a viver na Alemanha deve-se, sobretudo, ao fluxo de migrantes oriundos de outros países da União Europeia (UE), em particular dos países de Leste que aderiram à UE desde 2004.

Em 2016, os imigrantes provenientes da Estónia, Letónia, Lituânia, Malta, Polónia, Eslováquia, Eslovénia, República Checa, Hungria, Chipre, Bulgária, Roménia e Croácia aumentou 12,5% face a 2015.

Assim, mais de metade dos residentes estrangeiros são naturais de outros países da União. Síria, Afeganistão e Iraque representam 11,2% do total de imigrantes.

A comunidade portuguesa tem vindo a aumentar a um ritmo lento nos últimos anos, cifrando-se em 136.080, apenas 1,6% acima do ano anterior.

Ver comentários
Saber mais alemanha imigração ue emigração
Outras Notícias