Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Centeno: política monetária deve manter-se mesmo após estabilização de preços

Mário Centeno, governador do Banco de Portugal, defende que o Banco Central Europeu deve manter-se em campo mesmo depois de a inflação se controlar, uma vez que ritmo de recuperação difere entre países.

#11 - Mário Centeno
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 19 de Outubro de 2021 às 13:57
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
O Governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, considera que o Banco Central Europeu (BCE) deve manter a política monetária mesmo depois de os preços estarem estabilizados na Zona Euro, de forma a conseguir suportar a recuperação e estabilidade financeira no médio-prazo.

Numa conferência online, Centeno realça que os vários países da região vão recuperar a diferentes velocidades, de acordo com as previsões oficiais, e por isso é necessário criar um ambiente de recuperação favorável para todos. Defende ainda que "os bancos centrais" são cruciais na resposta à pandemia.

"As novas variantes do coronavírus e as dificuldades em termos de acesso e distribuição de vacinas tem prejudicado a velocidade da recuperação em termos globais, especialmente nos mercados emergentes e em desenvolvimento", acrescenta. 

O BCE estará a estudar a criação de um novo programa de compra de dívida para lançar depois de o PEPP, o programa que foi criado para atenuar os efeitos da pandemia, terminar, de acordo com a Bloomberg. O atual cheque de 1,85 biliões deve ficar sem notas disponíveis em março do próximo ano.

A concretizar-se, pode ser uma forma de a autoridade liderada por Christine Lagarde continuar a injetar alguma flexibilidade na economia da Zona Euro, para tentar evitar uma retirada abrupta de qualquer apoio e assim prevenir uma reação negativa nos mercados. 

Na última reunião de política monetária, os membros da autoridade bancária concordaram que a flexibilidade se mantém como "chave" para as decisões futuras, apesar de terem anunciado uma redução nos programas de compras de ativos.
Ver comentários
Saber mais Mário Centeno Zona Euro Zona Euro Banco Central Europeu BCE economia negócios e finanças macroeconomia conjuntura política governo (sistema) economia (geral) executivo (governo)
Outras Notícias