Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Alberto Martins: A legitimidade democrática e social de Seguro é "absoluta"

Líder da bancada parlamentar diz que se António Costa quiser desafiar Seguro tem de o fazer seguindo os estatutos do partido. Diz não ter memória de alguma vez um líder de um partido ter sido desafiado após duas vitórias eleitorais.

Manuel Azevedo/Correio da Manhã
Negócios 28 de Maio de 2014 às 13:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 38
  • ...

"A legitimidade democrata do actual secretário-geral é absoluta" e a sua "legitimidade social foi confirmada em duas eleições" sendo que nestas últimas eleições europeias a vitória do PS levou "à maior derrota de sempre da direita".

 

A afirmação é de Alberto Martins, líder da bancada parlamentar socialista, que admitiu ter ficado "surpreendido" com o anúncio da candidatura de António Costa, actual presidente da Câmara de Lisboa, à liderança do PS. Após duas vitórias eleitorais, isto "nunca aconteceu na história do PS e não sei se aconteceu em algum partido", vincou.

 

De todos os modos, Alberto Martins, antigo ministro da Justiça de José Sócrates, diz que se Costa quiser disputar a chefia do partido tem de o fazer respeitando o que está previsto nos respectivos estatutos. Seguro, disse, "não receia nada nem ninguém, mas há regras constitucionais no partido que devem ser respeitadas por todos os democratas".

 

"Quem quiser pôr em causa a legitimidade democrática do secretário-geral do PS pode fazê-lo nos termos estatutários, convocando os apoios que entender dever convocar nos termos estatutários, via Comissão Nacional do PS ou apoios das distritais", salientou.

 

Questionado sobre se a actual liderança não está a tentar manter-se com um golpe de secretaria, Alberto Martins respondeu: "Há regras constitucionais do partido, como na Constituição da República em Portugal, que devem e têm ser respeitadas por todos os democratas. A Constituição da República não é secretária, os estatutos de um partido não são secretaria, são regras de organização democrática".

Ver comentários
Saber mais Alberto Martins Seguro Costa PS liderança
Mais lidas
Outras Notícias