Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Biden nomeia Yellen para o Tesouro dos EUA

Joe Biden anunciou, tal como se esperava, que Janet Yellen vai ficar com a pasta do Tesouro norte-americano.

Andrew Harrer/Bloomberg
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 30 de Novembro de 2020 às 14:50
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

O presidente eleito dos EUA, Joe Biden, nomeou Janet Yellen (na foto) como secretária do Tesouro, tal como se esperava.

 

Yellen, que foi presidente da Reserva Federal norte-americana, será a primeira mulher com esta pasta nos Estados Unidos.

 

O nome de Yellen, e de outros selecionados para cargos de topo na Administração Biden, tinha sido já avançado na semana passada. Mas hoje Biden está a revelar formalmente as suas escolhas, depois de ter finalmente recebido o seu primeiro briefing dos serviços de inteligência, um passo essencial para assumir o controlo da segurança nacional.

 

Yellen, de 74 anos, que foi também a primeira mulher a chefiar a Fed (2014-2018), era uma das conselheiras presidenciais da candidatura de Biden.

Entre as funções da futura secretária do Tesouro vai estar a negociação da política económica dos Estados Unidos com o senador Mitch McConnel, republicano eleito pelo Kentucky, e que vai continuar a ser o líder da maioria republicana no Senado.

A equipa de Biden para a transição de poder anunciou, citada pela Reuters, que Biden também já escolheu outros membros para a sua equipa económica.

 

A selecção de Biden inclui Wally Adeyemo como vice-secretário do Tesouro, Neera Tanden como diretora do Gabinete de Gestão e Orçamento e Cecilia Rouse para liderar o Conselho de Assessores Económicos – com Jared Bernstein e Heather Boushey a integrarem este órgão.

Ver comentários
Saber mais Joe Biden Janet Yellen Tesouro
Outras Notícias