Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Covid-19: GNR faz "algumas" identificações na convenção do Chega

A GNR identificou hoje "algumas" pessoas que participam na II Convenção Nacional do Chega, em Évora, por estarem sem máscara na sala onde decorrem os trabalhos, disse à agência Lusa a força de segurança. Segundo dia da II Convenção Nacional vai contar com depoimentos de Marine Le Pen e Matteo Salvini.

Lusa 20 de Setembro de 2020 às 13:27
  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...
Fonte do Comando Territorial de Évora da GNR revelou à Lusa que estão presentes a Convenção do Chega "militares, em colaboração com a organização, para que sejam cumpridas as normas" de prevenção e controlo da covid-19 "decorrentes da Direção-Geral da Saúde".

"Os militares da GNR estão no terreno", no espaço onde decorre II Convenção Nacional do partido liderado por André Ventura, limitou-se a acrescentar a mesma fonte, remetendo para mais tarde a divulgação de resultados da ação.

No exterior da tenda onde decorre a iniciativa partidária, perto da entrada, a Lusa observou três militares da GNR à paisana, com as respetivas máscaras na cara contra a doença provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Outra fonte da GNR contactada pela Lusa confirmou que "foram feitas algumas identificações" de participantes na Convenção Nacional do Chega, as quais "podem resultar em contraordenações"

Um dos seguranças contratados pela organização disse à Lusa, por sua vez, ter visto militares da Guarda à paisana no interior do espaço, que "levaram algumas pessoas que estavam sem máscara lá para fora e multaram-nas".

Logo de manhã, antes desta ação de fiscalização policial ter tido lugar, já com os participantes sentados nas cadeiras, a organização alertou logo as pessoas para que colocassem as máscaras e tivessem atenção ao distanciamento social.

II Convenção Nacional com depoimentos de Marine Le Pen e Matteo Salvini

O Chega conclui hoje dois dias de trabalhos da II Convenção Nacional, em Évora, com a eleição de novos órgãos dirigentes e o reforço do poder interno do seu presidente, André Ventura.

Até à hora do almoço são esperados depoimentos em vídeo da francesa Marine Le Pen (União Nacional) e do italiano Matteo Salvini (Liga Norte).

Ao vivo, os cerca de 600 participantes no evento do partido nacional populista vão poder ouvir os discursos de membros da extrema-direita europeia (Identidade e Democracia) como o belga e presidente da ID, Gerolf Annemans (Interesse Flamengo) ou o francês Thierry Marinai, antigo ministro de Sarkozy e atual membro da União Nacional.


Para depois do almoço está previsto o discurso de encerramento do congresso protagonizado pelo líder, deputado único e candidato presidencial, André Ventura.


Já confirmados no encerramento estão os representantes da Casa Civil da Presidência da República, do PSD, do CDS-PP e da Iniciativa Liberal, embora o Chega tenha convidado todos os partidos com assento parlamentar, incluindo PS, BE, PCP, PAN e "Os Verdes".


Igualmente presentes vão estar elementos de diversos sindicatos e ordens profissionais.
Ver comentários
Saber mais Chega André Ventura GNR
Mais lidas
Outras Notícias