Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Marques Mendes: Director do Porto Canal chegou a ser convidado para ser candidato do PS pelo Porto

O comentador da SIC revelou que Júlio Magalhães chegou a ser sondado "ao mais alto nível" pelo PS para ser o candidato do partido à Câmara do Porto.

Negócios 07 de Maio de 2017 às 21:35
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

No habitual comentário semanal, Luís Marques Mendes revelou que o PS tinha pensado noutro candidato para as autárquicas no Porto. 

O PS, "ao mais alto nível", chegou convidar telefonicamente o jornalista Júlio Magalhães, director do Porto Canal, para ser candidato no Porto.

"A dada altura, ao que apurei, não se sabia se Manuel Pizarro aceitava ser candidato", por isso, o PS "chegou a convidar uma outra pessoa para candidato a presidente da câmara".

E o tema chegou, mesmo, a ser debatido no Porto Canal, se havia abertura para ele ser candidato. "Pizarro eventualmente não quereria". 

Para Marques Mendes, perante a postura de Rui Moreira, o PS não tinha outra hipótese senão romper. "Se não fizesse isso era a humilhação total". 

O comentador diz, agora, que "o grande vencedor é Rui Moreira. Ia ter uma maioria absoluta partilhada com o PS. Assim, passa a ter uma maioria absoluta que é só sua. Logo, ganha em toda a linha. Mostra autoridade e liderança. E no final, com uma maioria, é uma espécie de Macron Português, que derrota os dois grandes partidos. O grande perdedor é o PS. Sai de rastos".










O grande vencedor é Rui Moreira. Ia ter uma maioria absoluta partilhada com o PS. Assim, passa a ter uma maioria absoluta que é só sua. Logo, ganha em toda a linha. Mostra autoridade e liderança. E no final, com uma maioria, é uma espécie de Macron Português, que derrota os dois grandes partidos.


O grande perdedor é o PS. Sai de rastos.

O grande vencedor é Rui Moreira. Ia ter uma maioria absoluta partilhada com o PS. Assim, passa a ter uma maioria absoluta que é só sua. Logo, ganha em toda a linha. Mostra autoridade e liderança. E no final, com uma maioria, é uma espécie de Macron Português, que derrota os dois grandes partidos.


O grande perdedor é o PS. Sai de rastos.

Ver comentários
Saber mais Câmara do Porto Júlio Magalhães
Outras Notícias