Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

CDS sai do parlamento. Francisco Rodrigues dos Santos já apresentou a demissão

Francisco Rodrigues avançou que o CDS deixa de ter representação parlamentar, lamentou o resultado pelo qual assumiu a responsabilidade e ao final da noite anunciou que abandona a presidência.

A carregar o vídeo ...
Hugo Neutel hugoneutel@negocios.pt 31 de Janeiro de 2022 às 01:19
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
O CDS-PP está fora do parlamento depois de ter tido o pior resultado da história do partido: obteve 1,6% dos votos (quando faltam apurar duas freguesias), muito abaixo dos 4,2% registados em 2019 e que se traduziram na eleição de cinco deputados (resultado que já tinha sido uma queda a pique face aos 18 parlamentares obtidos em 2015).

Francisco Rodrigues avançou que o CDS deixa de ter representação parlamentar, lamentou o resultado pelo qual assumiu a responsabilidade e ao final da noite anunciou que abandona a presidência: "deixei de reunir condições para continuar a liderar o CDS e já apresentei a demissão ao presidente do Conselho Nacional", afirmou.

O CDS-PP é um dos partidos fundadores da democracia. Fundado poucos meses depois do 25 Abril de 1974, teve presença ininterrupta no parlamento desde as eleições para a Assembleia Constituinte realizada um ano após a revolução dos cravos.
Ver comentários
Outras Notícias