Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Exportações de frutas, legumes e flores aceleraram em março

Apesar da quebra ligeira nas exportações de flores, as vendas ao exterior de frutas, legumes e flores cresceram mais de 13% em março face a igual mês de 2019.

Bloomberg
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 12 de Maio de 2020 às 19:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As exportações de frutas, legumes e flores ascenderam a 146 milhões de euros em março, uma subida homóloga de 13,4%, apesar de já se fazerem sentir os efeitos da pandemia de covid-19, indica esta terça-feira a Portugal Fresh – Associação para a Promoção de Frutas, Legumes e Flores.

A associação destaca o "enorme dinamismo" registado pelo setor no primeiro trimestre, com uma subida de 9,8% face a igual período do ano passado, com as exportações a atingirem 398 milhões de euros.

E março foi mesmo o mês com maior volume de vendas internacionais e também com maior aumento nas exportações: 146 milhões de euros e uma subida de 13,4%. Em janeiro as exportações somaram cerca de 130 milhões de euros (+10,5%) e em fevereiro o valor cifrou-se em 121 milhões (+5%).

Nos primeiros três meses do ano, as frutas apresentaram um crescimento de 18,3% nas exportações, totalizando 165 milhões de euros, enquanto os preparados de frutas e legumes registaram uma evolução de 6,3% (para 114 milhões de euros) e os legumes recuaram 1,1%, para 82 milhões de euros. Já as vendas ao exterior de flores e plantas ornamentais registaram um incremento de 12,2%, somando 37 milhões de euros, apesar da quebra de 2,3% registada em março.

"Este setor estava a registar um crescimento muito interessante em janeiro e em fevereiro, de 34,5% e 10,6%, respetivamente, face aos mesmos meses de 2019. Mas o mês de março já registou um decréscimo de 2,3% devido às duas últimas semanas deste mês, altura em que os efeitos da pandemia de covid-19 já se fizeram sentir. Nesta altura verificou-se uma interrupção abrupta das encomendas de mercados muito importantes como Espanha, Reino Unido, França e Alemanha", detalha Gonçalo Santos Andrade, presidente da Portugal Fresh, citado no comunicado.

A Portugal Fresh destaca que os produtores de frutas, legumes e flores duplicaram as exportações em 10 anos, passando de 780 milhões de euros em 2010 para 1.605 milhões no ano passado, tendo o pesos dos mercados internacionais no volume de vendas aumentado de 35% para 52%.

O principal destino das exportações portuguesas de frutas, legumes e flores é Espanha, absorvendo 27,3% das vendas ao exterior no primeiro trimestre, abaixo dos 31% no total do ano passado. Seguem-se França (13,7%), Holanda (10,4%), Reino Unido (9,5%), Alemanha (6,2%) e Itália (5,4%). A União Europeia é responsável por 77% das exportações.

Ver comentários
Saber mais Associação para a Promoção de Frutas Legumes e Flores Portugal Fresh frutas legumes flores exportações covid
Mais lidas
Outras Notícias