Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Registos de novos carros sobem 9,6% na União Europeia

É o segundo mês consecutivo de subida, ainda que com uma queda do ano até setembro quando comparando com o período homólogo.

Após três meses de quebras, as exportações de componentes automóveis registam dois meses de crescimento acima de 10%.
Pedro Catarino
Negócios jng@negocios.pt 18 de Outubro de 2022 às 11:36
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
Os registos de novos carros aumentaram 9,6% na União Europeia em setembro, o segundo mês consecutivo de subida deste indicador. Os dados foram hoje revelados pela Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis (ACEA) e apontam, porém, para uma descida de 9,9% no ano até setembro, quando comparado com o periodo homólogo.

De acordo com a ACEA, o aumento de 9,6% nos novos registos de automóveis de passageiros na União Europeia em setembro foi "em grande parte impulsionado pela baixa base de comparação" a partir de setembro de 2021, quando a escassez de semicondutores prejudicou a produção de veículos.

Olhando para os quatro maiores mercados da UE, Alemanha e Espanha registaram ganhos de dois dígitos (14,1% e 12,7% respetivamente), enquanto França (5,5%) e Itália (5,4%) apresentaram taxas de crescimento mais modestas. Em Portugal, os novos registos subiram de 10.786 veículos para 12.469 (15,6%).


Nos primeiros três trimestres de 2022, o mercado de automóveis de passageiros da UE contraiu 9,9% para 6.784.090 unidades, apesar dos resultados positivos registados nos últimos dois meses, adianta ainda a associação. Isto refletiu-se no desempenho da maioria dos países, com todos os principais mercados da região a enfrentar perdas neste período de nove meses. A Itália teve a queda mais acentuada (-16,3%), seguida pela França (11,8%), Alemanha (-7,4%) e Espanha (-7,4%). Em Portugal, os registos contrariaram a tendência, subindo 1,1%.

Quanto a marcas, a Ford e o grupo Volkswagen lideraram as subidas de setembro na UE, com aumentos mensais de 30,5 e 25,7%, respetivamente.

Ver comentários
Saber mais Portugal Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis União Europeia UE economia negócios e finanças automóvel
Outras Notícias