Automóvel Tesla já pode começar a entregar Model 3 na Europa

Tesla já pode começar a entregar Model 3 na Europa

A RDW autorizou a Tesla a vender o Model 3 no mercado europeu. As entregas devem começar em fevereiro.  
Nuno Carregueiro 20 de janeiro de 2019 às 18:48

É um dos trunfos de Elon Musk para impulsionar as vendas da Tesla em 2019. A fabricante de carros elétricos norte-americana entra este ano no mercado europeu, mas faltava a luz verde do regulador holandês para iniciar o processo.

 

O "ok" da RDW ao Model 3 veio este fim de semana, pelo que a Tesla tem agora via aberta para começar a entregar as encomendas deste modelo no mercado europeu. De acordo com a Bloomberg, os clientes devem começar a receber a sedan da Tesla já no próximo mês de fevereiro.

 

A autorização do regulador holandês permite à Tesla vender o Model 3 em todo o mercado da União Europeia, bem como na Noruega e Suíça. Tal como aconteceu nos EUA, as primeiras entregas serão da versão bateria Long Range.

  

Elon Musk está a contar com a entrada do Model 3 na Europa e na China (também em fevereiro) para contrariar o esperado abrandamento das vendas nos Estados Unidos. Isto porque o incentivo fiscal para comprar carros elétricos baixou para metade desde o início do ano (face aos 7.500 dólares) nos EUA e voltará a sofrer um corte de 50% em todos os semestres até ser totalmente eliminado.

 

Em Portugal os clientes já podem fazer encomendas desde dezembro do ano passado, mas não há compromisso da marca com datas de entrega. Segundo o Motor24, no início deste ano existiam 150 encomendas efetuadas a partir de Portugal.

  

O CEO da Tesla já admitiu que a redução dos incentivos nos EUA deverá obrigar a Tesla a baixar o preço do Model 3, que custa atualmente 35 mil dólares, ou a fabricar versões mais baratas. Na Europa os preços começam nos 60.200 euros (sem incentivos fiscais).

 

A "luz verde" final para entrar no mercado europeu acaba por ser uma boa notícia para a Tesla, que tem vivido tempos difíceis. O último foi o anúncio do corte de 3 mil postos de trabalho e revisão em baixa das estimativas de lucros para o quarto trimestre.  Uma notícia que provocou mais um tombo nas ações da tesla, que afundaram mais de 9% na sexta-feira.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI