Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bankinter afasta planos de redução de pessoal em Portugal

A CEO do Bankinter garantiu que não está prevista qualquer redução de pessoal, demarcando-se de outras entidades bancárias em Portugal, que estão a reduzir a sua estrutura.

Bankinter
Bruno Simão
Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 22 de Julho de 2021 às 11:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Ao contrário da maioria dos bancos nacionais, que está a avançar com programas de redução de pessoal, o Bankinter não tem previsto realizar qualquer despedimento ou mexida na sua estrutura de pessoal nem em Portugal, nem em Espanha. 

"Não temos previsto nenhum corte de pessoal em Espanha ou Portugal", garantiu esta quinta-feira a CEO do banco espanhol, María Dolores Dancausa, na apresentação de resultados do primeiro semestre do ano. As declarações da líder do Bankinter surgem num momento em que vários bancos portugueses anunciaram que estão a promover uma redução da sua estrutura.

Entidades como o Novo Banco, BCP, Santander e Montepio têm em curso programas para reduzir pessoal. O BCP arrancou com um programa de reformas e rescisões por mútuo acordo, numa decisão que foi comunicada aos trabalhadores no início de junho e que pode levar à saida de 1.000 pessoas.

Já o Santander Portugal aprovou no final de junho um plano de reestruturação, que vai abranger 685 trabalhadores, enquanto a CGD tem aberto todos os anos programas de rescisões amigáveis. Novo Banco e Montepio juntam-se à lista com programas para reduzir pessoal. 

O BPI, tal como o Bankinter, adiantou ao Negócios que não planeia saídas.

Além de não ter previsto qualquer plano para reduzir pessoal, o Bankinter adiantou que aumentou os custos com pessoal, depois de um ano em que decidiu não distribuir bónus ou compensações adicionais pelos trabalhadores, fruto da crise.

De acordo com os números divulgados, o custo com pessoal cresceu 8% no primeiro semestre do ano. "Cresceram os gastos com o pessoal porque no ano passado não se pagaram bónus - foram 17 mil euros que se pouparam - e este ano vão voltar a pagar-se", adiantou a CEO do Bankinter na mesma conferência.

Ver comentários
Saber mais Bankinter banca resultados Crédito moratórias incumprimento
Outras Notícias