Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bankinter tem menos de 12% da carteira de crédito em moratória

O banco tem registado uma evolução positiva do negócio em Portugal, adiantando que o montante de crédito em moratórias está a baixar.

O Bankinter tornou-se, em setembro, o primeiro banco a regressar aos “spreads” abaixo de 1%, com uma margem       de lucro mínima de 0,95%.
Susana Vera/Reuters
Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 22 de Julho de 2021 às 11:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Bankinter tinha, no final de junho, menos de 12% da carteira de crédito em regime de moratória. A maior fatia deste montante diz respeito a empresas (660 milhões de euros), enquanto cerca de 500 milhões de euros das moratórias são de crédito à habitação.

A percentagem de créditos em moratória no balanço do Bankinter Portugal baixou na primeira metade do ano. Segundo os dados divulgados pelo banco esta quinta-feira, no final do semestre, o banco tinha cerca de 500 milhões de euros em moratória no crédito à habitação, o equivalente a 11% da carteira. Já no negócio das empresas, esse valor estava em 660 milhões de euros, abaixo do trimestre anterior e menos de 12% da carteira.

A carteira de crédito do banco em Portugal registou uma evolução positiva no semestre. Cresceu 6% para 6,8 mil milhões de euros. Por segmento, o crédito a particulares subiu 5% para 4,8 mil milhões de euros, enquanto o crédito a empresas cresceu 7% para 2,2 mil milhões.

Os recursos de clientes atingiram 5,5 mil milhões de euros, o que representa um crescimento de 19% face ao período homólogo.

Em relação ao nível de risco da carteira de crédito, o rácio de Non-Performing Loans em Portugal é de 1,89%.

O resultado antes de impostos em Portugal disparou 50% nos primeiros seis meses do ano para 26 milhões de euros, acima dos 17 milhões registados em igual período do ano passado.

Ver comentários
Saber mais Bankinter crédito resultados moratória malparado
Outras Notícias