Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Chef Olivier da Costa vai abrir um Yakuza em Paris

Depois de conquistar São Paulo e Banguecoque com a marca Seen, o grupo Olivier vai chegar a Paris, provavelmente ainda este ano, com a abertura de um Yakuza, restaurante japonês com nome e decoração inspirada na máfia nipónica.

Instalado no Maison Albar Hotels - Le Monumental Palace, o Yakuza, restaurante japonês do chef Olivier da Costa, chega esta quinta-feira ao Porto.
Rui Neves ruineves@negocios.pt 15 de Outubro de 2020 às 17:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O chefe Olivier da Costa, que detém 14 restaurantes, em Portugal, São Paulo e Banguecoque, abre esta quinta-feira, 15 de outubro, o seu 15.º espaço - o Yakuza, de comida japonesa, instala-se no Maison Albar Hotel - Le Monumental Palace, um cinco estrelas situado em plena Avenida dos Aliados.

 

"E vamos também abrir um Yakuza no Maison Albar Hotels - Le Vendome, em Paris", revelou ao Negócios o diretor de marketing do grupo Olivier Restaurantes.

 

"O restaurante está praticamente pronto, sendo que a nossa vontade é abrir o Yakuza da capital francesa ainda este ano, mas está tudo dependente da evolução da pandemia, que em Paris está muito mal", ressalvou Joel Pires.

 

Sem querer detalhar este novo projeto internacional, garantiu que o estudo de mercado realizado pelo grupo sinalizou a existência de "um potencial gigante em Paris" para o Yakuza.

 

Será o quinto restaurante desta marca do grupo Olivier, que se junta às insígnias Guilty (três), KOB (dois), Seen (três - em Lisboa, São Paulo e Banguecoque), Savage (em Lisboa e São Paulo) e o Clássico Beach Bar, na Costa da Caparica. 

 

O Yakuza Porto irá ocupar preferencialmente o espaço térreo do restaurante do Monumental Palace, que "tem 120 metros quadrados e capacidade para 35 lugares sentados", em tempos de pandemia.

 

"Sempre que necessário", o Yakuza poderá alargar-se ao piso superior, onde tem disponíveis "mais 15 lugares sentados", adiantou o mesmo gestor.

 

Para já, além de "assumir os atuais 10 profissionais" que trabalhavam no restaurante do Monumental Palace, o Yakuza Porto irá "criar mais oito postos de trabalho".

 

O menu é idêntico ao que é servido nos outros restaurantes com este conceito, desde o sashimi de toro aos gunkans da casa, passando pelos pratos preparados na robata, uma grelha japonesa.

 

"Apesar de ter lugar no momento delicado em que vivemos presentemente, esta abertura pretende passar uma mensagem de esperança ao setor da restauração. Há muito tempo que queríamos abrir um Yakuza no Porto e a oportunidade acabou por surgir com o parceiro certo – a Maison Albar Hotels Le Monumental Palace –, que se junta a nós nesta missão de proporcionar a melhor experiência possível aos nossos clientes", enfatizou o diretor de marketing do grupo Olivier Restaurantes, em comunicado.

 

"Cumprimos, como já é habitual nos restaurantes do grupo, com todas as recomendações da Direção Geral de Saúde, acreditando que também é nossa responsabilidade contribuir para que a economia não pare, os postos de trabalho se mantenham e a confiança seja assegurada no dia a dia, com todas as precauções", realçou afirma Joel Pires.

 

O Le Monumental Palace resultou de um projeto desenvolvido pelo empresário Mário Ferreira, que investiu neste empreendimento cerca de 28 milhões de euros e o viria a vender ao grupo Paris Inn por 38 milhões, em junho de 2018, tendo o hotel sido inaugurado em janeiro do ano passado.  

Ver comentários
Saber mais yakuza olivier da costa le monumental palace maison albar hotels joel pires guilty kob seen savage
Mais lidas
Outras Notícias