Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Generali fecha compra da Tranquilidade e escolhe português para CEO

O negócio, avançado no verão, foi agora concluído. Pedro Carvalho, vice-presidente da comissão executiva da Seguradoras Unidas, foi nomeado CEO das companhias seguradoras do grupo em Portugal.

Rita Atalaia ritaatalaia@negocios.pt 08 de Janeiro de 2020 às 15:20
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
A compra da Tranquilidade pelos italianos da Generali está agora fechada, concluindo um negócio de várias centenas de milhões de euros que foi anunciado durante o verão do ano passado. Para liderar o grupo em Portugal, a empresa escolheu o português Pedro Carvalho, o atual vice-presidente da comissão executiva da Seguradoras Unidas.
 
A "Generali finalizou a aquisição em Portugal de 100% da companhia Seguradoras Unidas e da prestadora de serviços de saúde AdvanceCare à Calm Eagle Holding S.à r.l. e Calm Eagle Parent Holdings II S.à r.l., entidades detidas maioritariamente por fundos de investimento geridos por subsidiárias da Apollo Global Management", adianta a empresa italiana num comunicado divulgado esta quarta-feira, 8 de janeiro. 

Foi em julho que foi anunciado que a Generali tinha chegado a acordo com a Apollo para comprar a totalidade da Seguradoras Unidas por 510 milhões de euros e da AdvanceCare por outros 90 milhões.

Ficaram apenas a faltar as autorizações necessárias. Uma "luz verde" que o grupo afirma já ter obtido entretanto por parte
das entidades reguladoras e autoridades da concorrência.

"Com esta nova aquisição, a Generali terá agora uma posição de liderança em Portugal. Combinando a força das Seguradoras Unidas, com as competências do Grupo Generali, eleito pela Forbes como a 'Melhor Companhia Global de Seguros', o conhecimento dos nossos colegas da Generali Portugal e com a plataforma da AdvanceCare, poderemos construir, juntos, um futuro brilhante", afirmou Jaime Anchústegui, CEO Internacional da Generali, numa carta enviada aos trabalhadores, a que o Negócios teve acesso. 

Um português para CEO
"Com a perspetiva de um maior nível de integração e de uma gestão eficiente da Generali Portugal e da Seguradoras Unidas, vamos introduzir algumas mudanças importantes no modelo de governo", referiu ainda o responsável aos colaboradores, adiantando que a "mais notória é a nomeação do Pedro Carvalho como presidente executivo das duas entidades". 

Estas entidades incluem as companhias seguradoras do grupo Portugal. Ou seja, a Generali Vida, Generali Seguros e Seguradoras Unidas, com o gestor a reportar diretamente a Jaime Anchústegui.

Pedro Carvalho é, desde 2015, membro do conselho de administração da Seguradoras Unidas e vice-presidente da comissão executiva do grupo. Antes, o gestor de 44 anos foi responsável pelo "marketing" e vendas do grupo Sonae, mas esteve também mais de uma década na McKinsey.

"A harmonização das restantes funções será implementada gradualmente nas próximas semanas e meses, com exceção da função de recursos humanos que, a partir desta data, será liderada pela Gilda Raposo, responsável de recursos humanos da Seguradoras Unidas e agora também da Generali Portugal", referiu também CEO Internacional da Generali na carta aos colaboradores. 

"Estou confiante que com o vosso profissionalismo e paixão iremos alcançar resultados excecionais nos próximos anos e conto com cada um de vós para fazer desta jornada um sucesso", rematou.
Ver comentários
Saber mais empresas seguros Generali Tranquilidade
Outras Notícias