Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Miguel Relvas vai trabalhar para empresa de blockchain nos EUA

O ex-ministro e antigo dirigente do PSD Miguel Relvas vai liderar o departamento de estratégia política e de sustentabilidade da norte-americana Dorae, que usa a tecnologia blockchain.

Bruno Simão/Negócios
  • Assine já 1€/1 mês
  • 20
  • ...

Miguel Relvas vai trabalhar para a norte-americana Dorae, uma start-up nascida em 2014 que se dedica à blockchain - uma tecnologia que ganhou relevo com as criptomoedas.

 

O político, antigo ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares do governo de Passos Coelho irá liderar o departamento de estratégia política e sustentabilidade da Dorae, segundo comunicado da empresa.

 

Ao Negócios, Miguel Relvas disse que este é um "desafio muito atractivo, inovador e interessante", destacando que a Dorae vai "expandir-se na América Latina, sobretudo no Brasil e também em África, onde existem oportunidades interessantes".

 

A empresa – que sublinha o facto de a blockchain ser uma tecnologia que veio substituir os métodos de segurança criptográfica, com aplicações muito diversas, desde o suavizar das transacções financeiras ao combate ao roubo de identidade – destaca os 20 anos de experiência de Relvas como político, em que a função "é, habitualmente, encontrar terreno comum entre os interesses públicos e privados".

 

A Dorae tem escritórios em Silicon Valley (EUA), nas Ilhas Caimão e em Londres e emprega a tecnologia blockchain [além de se dedicar também à inteligência artificial] sobretudo no sector das matérias-primas.

 

Foi nesse contexto que iniciou as suas operações-piloto no sector mineiro, tendo para tal escolhido a República Democrática do Congo – sobretudo devido às suas vastas reservas de cobalto e coltan, as chamadas "matérias-primas da era digital" pela sua importância em inúmeros segmentos, desde telemóveis a carros eléctricos.

Miguel Relvas foi secretário de Estado da Administração Local durante o XV Governo Constitucional, liderado por Durão Barroso, e entre 2011 e 2013 foi ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares - no XIX Governo Constitucional encabeçado pelo então líder do PSD, Pedro Passos Coelho.

 

Considerado o braço direito de Passos Coelho, Miguel Relvas demitiu-se do Governo a 4 de Abril de 2013, alegando falta de "condições anímicas para continuar", numa altura em que se acumulavam polémicas relacionadas com a sua licenciatura.

A Dorae é co-fundada por Ricardo Santos Silva e Aba Schubert. Ricardo Santos Silva é um empresário português e investidor nos sectores financeiro, tecnológico e mineiro – tendo co-fundado a Aethel Partners, uma multinacional de private equity, gestão de activos alternativos e serviços financeiros sediada em Londres.

 

* "Blockchain", na tradução literal, é uma ‘corrente de blocos’ que é actualizada sempre que se realiza uma nova operação – e todos os sistemas ligados à rede têm acesso a essa rede, de forma a validar um item [e impedir que ele seja vendido duas ou mais vezes, no caso das moedas digitais, por exemplo] com uma série de chaves de segurança.

 

Ver comentários
Saber mais Miguel Relvas Dorae Passos Coelho América Latina Brasil Silicon Valley África EUA República Democrática do Congo Blockchain
Mais lidas
Outras Notícias