Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Novos donos da Brisa recebem 102 milhões

A Brisa obteve em 2020 um resultado líquido de 126 milhões de euros, menos 17% face a 2019, que vai distribuir em dividendos quase na totalidade. A Rubicone recebe 102 milhões e a José de Mello 21 milhões.

A Brisa passou em 2020 a ser controlada por um consórcio liderado pela holandesa APG Asset Management e Pires de Lima assumiu cargo de CEO. João Cortesão
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 11 de Maio de 2021 às 23:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

Os novos donos da Brisa, o consórcio da holandesa APG, do National Pension Service da Coreia do Sul e da Swiss Life Asset Managers que em outubro do ano passado concluiu a adquisição de 81,1% do grupo por 2,4 mil milhões de euros, vão receber este ano em dividendos mais de 100 milhões de euros, de acordo com a proposta de aplicação dos resultados de 2020 que foi aprovada a 6 de maio em assembleia-geral.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais BCR Swiss Life Asset Managers Brisa Concessão Rodoviária National Pension Service APG Coreia do Sul António Pires de Lima transportes transporte rodoviário
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias