Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Optimus atinge EBITDA de 24 milhões no segundo trimestre de 2001

A Optimus, empresa de telecomunicações móveis do Grupo Sonae, obteve um «cash flow» operacional, ou EBITDA) de 24 milhões de euros (4,8 milhões de contos) no segundo trimestre deste ano.

Filipe Gil 30 de Julho de 2001 às 10:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A Optimus, empresa de telecomunicações móveis do Grupo Sonae, obteve um «cash flow» operacional, ou EBITDA) de 24 milhões de euros (4,8 milhões de contos) no segundo trimestre deste ano, revelou hoje a empresa em comunicado.

Com este resultado, a empresa de telecomunicações móveis da Sonae.com, igualou o atingido no trimestre anterior. Exluindo o efeito do diferimento de custos de aquisição de clientes, o EBITDA aumentou 6,3% contra os primeiros três meses deste ano.

As receitas de serviço aumentaram 12,5% no segundo trimestre para 128 milhões de euros (25, 6 milhões de contos), levando a receita média por cliente, ou APU, no mesmo período, de 28,2 euros (5.654 escudo), um aumento de 3% em relação ao trimestre anterior.

Os resultados líquidos foram negativos em 2 milhões de euros (401 mil contos), igualando o registado nos primeiros três meses deste ano.

139 mil novos clientes

A Optimus angariou durante o segundo trimestre do ano cerca de 139 mil novos clientes, mais 38 mil do que no trimestre anterior. No final do segundo trimestre deste ano, a Optimus atingiu os 1,65 milhões de clientes, mais 9% do que no trimestre anterior.

Os custos de aquisição por clientes foram de 159,8 euros (32 mil escudos) - excluindo os custos de retenção de clientes -, mais 13% do que no trimestre anterior. Segundo a empresa de Paulo de Azevedo, «este aumento reflecte quase exclusivamente o aumento sazonal dos custos de publicidade e de marketing, já que os custos com equipamento e comissões mantiveram os níveis anteriores».

As acções da Sonae.com valorizavam 2,90% para os 2,48 euros (497 escudos) na Bolsa de Lisboa.

Mais lidas
Outras Notícias