Imobiliário El Corte Inglés avança para o Porto

El Corte Inglés avança para o Porto

Duas décadas depois, e após tantas polémicas, a cadeia espanhola vai mesmo instalar-se na zona da Boavista. "O El Corte Inglés vai chegar ao Porto. Se as correrem bem, as obras deverão arrancar durante o próximo ano", garante Ricardo Valente, vereador da autarquia.
El Corte Inglés avança para o Porto
Rui Neves 04 de julho de 2019 às 12:42

"O El Corte Inglés" vai chegar ao Porto", garantiu Ricardo Valente, vereador da Economia, Turismo e Comércio da Câmara do Porto, esta quinta-feira, 4 de julho, quando questionado pelo Negócios sobre a matéria, no âmbito da sessão de apresentação do estudo "Mercado Residencial no Porto", da promotora imobiliária Avenue. 

 

Ainda em declarações ao Negócios, o autarca adiantou que o projeto da cadeia espanhola para a zona da Boavista "é multifuncional", não abrangendo apenas área comercial, "podendo, por exemplo, até ter ginásios e uma zona hoteleira". 

 

Sem querer detalhar o projeto, mostrou-se convicto que, "se as coisas correrem bem, as obras deverão arrancar durante o próximo ano".

 

Em causa está a ressurreição de um projeto com cerca de duas décadas.

 

No início deste século, ainda antes de inaugurar o seu armazém em Lisboa, o El Corte Inglés negociou com a ex-Refer a opção de compra do terreno da antiga estação ferroviária da Boavista - que vem sendo sendo renovada, terminando agora em 2021 - para aí construir um grande armazém, num investimento que, aos preços atuais, rondaria os 200 milhões de euros.

 

Mas o então presidente da autarquia, Rui Rio, nunca viu com bons olhos este investimento na Boavista, pelo que tentou desviar o grupo espanhol para outras zonas da cidade.

 

O El Corte Inglés não aceitou qualquer uma das alternativas sugeridas pela Câmara do Porto, optando por instalar-se em Gaia, em 2006. E o projeto ficou congelado.

 

Com um novo presidente à frente da autarquia, o grupo espanhol voltou à carga, agora com um projeto "multifuncional" para a zona junto à Rotunda a Boavista.




Marketing Automation certified by E-GOI