Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Antiga dona da Cimpor põe ações de 118 milhões contra o Estado

A Intercement, ex-Cimpor SGPS, interpôs duas ações no valor de 82 e 36 milhões de euros contra o Estado, Ministério das Finanças e IGCP. Em causa estão responsabilidades assumidas nas reprivatizações.

A Intercement, do grupo Camargo Corrêa, assumiu o controlo da Cimpor em 2012. Em 2018 vendeu os negócios de Portugal e Cabo Verde à Oyak.
A Intercement, do grupo Camargo Corrêa, assumiu o controlo da Cimpor em 2012. Em 2018 vendeu os negócios de Portugal e Cabo Verde à Oyak. Miguel Baltazar
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 08 de Dezembro de 2022 às 23:10
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

A Intercement, antiga dona da Cimpor, interpôs no final de novembro duas ações contra o Estado Português, o Ministério das Finanças e a Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) no Tribunal Administrativo e Fiscal de Lisboa, com um valor total de 118,2 milhões de euros.

...

Ver comentários
Saber mais Cimpor SGPS Tribunal Administrativo e Fiscal de Lisboa Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública Estado Português Ministério das Finanças AT IGCP Intercement
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio