Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bosch inaugura fábrica de ‘chips’ de mil milhões de euros na Alemanha

Em 130 anos de atividade, esta fábrica é o maior investimento individual feito pela alemã Bosch. Assim que estiver concluída, a fábrica de Dresden vai ter capacidade para 700 trabalhadores.

Cátia Rocha catiarocha@negocios.pt 07 de Junho de 2021 às 18:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...
A fabricante de componentes para automóveis inaugurou uma nova fábrica de ‘chips’ em Dresden, na Alemanha. O investimento feito pela Bosch nestas instalações cifra-se em mil milhões de euros - em 130 anos de história, trata-se do maior investimento individual feito pela empresa alemã.

A empresa descreve que esta fábrica, que é "totalmente conectada" e orientada por dados é "uma das mais modernas fábricas de ‘chips’ semicondutores", apontando para uma fábrica "pioneira" na indústria 4.0".

A chanceler alemã, Angela Merkel, e a vice-presidente da Comissão Europeia, Margrethe Vestager, estiveram virtualmente na inauguração das instalações desta fábrica, num momento em que a falta de ‘chips’ semicondutores afeta vários setores de atividade, incluindo a indústria automóvel.

"A nova fábrica de ‘chips’ da Bosch vai contribuir para aumentar a nossa capacidade em microeletrónica. A microeletrónica é a base para quase todas as tecnologias promissoras, para aplicações de inteligência artificial, computação quântica e para condução autónoma e conectada - que também é uma especialidade da Bosch", afirmou Merkel. A chanceler alemã já tinha demonstrado preocupação com a dependência externa que o mercado europeu tem relativamente à área dos ‘chips’.

A nova fábrica, que contará com 72 mil metros quadrados de área útil quando estiver terminada, arranca com 250 trabalhadores nesta fase inicial. Quando os trabalhos estiverem concluídos, terá capacidade para cerca de 700 trabalhadores.

A produção de semicondutores arrancará em julho - "seis meses antes do planeado", indica o presidente do conselho de administração da Bosch, Volkmar Denner, citado em comunicado, detalhando que estes componentes serão instalados em ferramentas elétricas. Já para os clientes do setor automóvel, a produção de ‘chips’ arranca em setembro.
Ver comentários
Saber mais Bosch Alemanha Dresden automóvel microprocessadores chips
Outras Notícias