Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Efacec ganha contrato de 30 milhões na Suécia

A empresa em processo de reprivatização participa numa “joint venture” com a construtora sueca Multibygg Sydost AB para a conceção e construção da Central de Produção de Biogás Mönsterås.

O litígio entre a Efacec e a Companhia Paulista de Transportes Metropolitanos (CPTM) está a ser dirimido em tribunal arbitral.
Paulo Duarte
Rui Neves ruineves@negocios.pt 25 de Janeiro de 2023 às 10:53

Numa altura em que o Governo reabriu o processo de reprivatização da Efacec, onde anda agora a injectar 10 milhões de euros todos os meses para assegurar a tesouraria da empresa, a companhia liderada por Ângelo Ramalho assinou um robusto contrato com a sueca Mönsterås Biogasproduktion, uma subsidiária da Scandinavian Biogas AB.

 

Em causa está a conceção e construção da Central de Produção de Biogás Mönsterås, projecto que a Efacec ganhou no âmbito de uma "joint venture" com a empresa de construção sueca Multibygg Sydost AB para a execução do contrato, no valor "superior a 45 milhões de euros".

 

"O âmbito da Efacec corresponde a mais de 30 milhões de euros, o equivalente a 66% da sua participação no valor global do contrato, cabendo a restante parte ao parceiro sueco", detalha a empresa portuguesa, em comunicado.

 

O projeto ganho consiste na conceção, fornecimento, montagem, testes e entrada em funcionamento desta unidade de biogás, que será construída em Grimhult, no município sueco de Kalmar, onde "através da conversão de matéria orgânica em energia renovável e sustentável, conseguir-se-á uma redução significativa das emissões de gases com efeito de estufa (GEE)".

De acordo com a Efacec, o projeto foi concebido para valorizar, aproximadamente, 300 mil toneladas de matéria orgânica por ano, principalmente de origem bovina, suína e aviária, transformando-a em biogás e biofertilizantes.

 

"A partir da unidade de upgrade de biogás (BUP) e liquefação, a central deverá produzir cerca de 30 toneladas de biogás líquido (LBG) por dia e 120 GWh por ano, com vista à sua utilização como combustível para transporte rodoviário de veículos pesados", realça a empresa portuguesa.

Ganho este novo projecto, "a Efacec consolida a sua posição como ‘player’ relevante no plano internacional no setor dos gases renováveis e, em particular, no segmento do biogás, oferecendo soluções chave na mão e personalizadas para os clientes, com enfoque na investigação e no desenvolvimento tecnológico que antecipa soluções para um mundo mais sustentável", enfatiza.

Recorde-se que a Efacec já construiu, na área de Ambiente, a maior central de biogás da Europa, em Kroskro, em 2019, tendo também participado nos metros da Dinamarca e Noruega e nas passagens de nível na Suécia, estas últimas premiadas com Red Dot Award em 2021.



(Notícia atualizada às 11:08)

Ver comentários
Saber mais efacec biogás suécia
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio