Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Navigator aumenta preços do papel entre 10% e 15%

A continuada subida de custos variáveis como a energia e a logística justificam a decisão da Navigator de subir os preços do papel de impressão e escrita entre 10% e 15% a partir de 3 de janeiro.

Maria João Babo mbabo@negocios.pt 07 de Dezembro de 2021 às 11:48
  • Partilhar artigo
  • 13
  • ...

A Navigator Company anunciou esta terça-feira que vai aumentar os preços do papel UWF (papel de impressão e escrita não revestido) entre 10% e 15% a partir do dia 3 de janeiro do próximo ano.

Em comunicado, a empresa adianta que o aumento da tabela de preços abrange todos os seus produtos UWF e que este acréscimo inclui a subida da sobretaxa anunciada na comunicação que divulgou a 15 de outubro, de 50 euros por tonelada para 100 euros a tonelada.

"Desde a última comunicação, em que o Navigator anunciou um aumento de preços de cerca de 8% e um acréscimo de 50 euros/tonelada com data de implementação a partir de 1 de novembro, a indústria tem enfrentado continuamente aumentos adicionais de custos variáveis, nomeadamente em energia e logística, também levando a aumentos na maioria de outras 'commodities', como produtos químicos e materiais de embalagem", afirma o grupo em comunicado.

Além disso, a  Navigator diz ainda que está a assistir a um aumento significativo na procura pelos seus produtos e marcas, o que está a levar a um recorde na carteira de encomendas.

 

"Refletindo a volatilidade das atuais condições de mercado, a sobretaxa será revista mensalmente e o preçário terá validade máxima de dois meses", salienta ainda a empresa, que acrescenta que não poderá manter o seu pré-aviso normal de quatro semanas para alterações da tabela de preços.

Na bolsa de Lisboa, a cotada segue em alta, a valorizar 1,8% para 3,24 euros por ação.

Ver comentários
Saber mais Navigator indústria papel energia log´stica
Outras Notícias