Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Promendo reduz na Altri após vender mais de 400 mil acções

A empresa de Ana Rebelo de Mendonça encaixou 3,615 milhões de euros com as várias operações de venda efectuadas em Agosto.

A recomendação para a Altri é de “acumular”, embora o preço-alvo aponte para um potencial de queda de 1,3%. O CaixaBI salienta que a cotada está dependente de duas variáveis: preços da pasta e taxa de câmbio do euro face ao dólar. A forte procura deverá manter os preços da matéria-prima em níveis elevados, sendo que o banco assume que se esta continuar resiliente, os preços deverão manter-se até 2020.
Miguel Baltazar/Negócios
Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 20 de Agosto de 2018 às 17:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Promendo reduziu a sua posição no capital da Altri após ter efectuado uma série de vendas durante este mês de Agosto.

De acordo com um comunicado da Altri à CMVM, a Promendo vendeu acções que representam  0,1996% da cotada. A empresa detida por Ana Rebelo de Carvalho Menéres de Mendonça (que tal como José Manuel de Almeida Arche é administradora da Altri) passou, após estas vendas, a controlar 42.556.553 acções da fabricante de pasta e papel, que correspondem a 20,74% do capital.

 

De acordo com a informação do comunicado da Altri, a Promendo alienou um total de 409.499 acções da Altri, tendo realizado um encaixe de 3,615 milhões de euros com as 12 operações de venda realizadas entre 1 e 15 de Agosto. Os títulos foram vendidos a preços entre 8,99755 e 8,51513 euros, o que se situa acima da actual cotação (hoje cederam 0,84% para 8,28 euros).

Apesar destas vendas, a Promendo mantém o estatuto de maior accionista da Altri. Seguem-se a Caderno Azul (do co-CEO João Borges de Oliveira) com 14,62%, a Actium Capital (do co-CEO) com 11,86% e a Liverfluxo (do administrador Domingos José Vieira de Matos) com 11,82%.

Estes quatro accionistas controlam perto de 60% do capital da Altri.

Ver comentários
Saber mais Altri Promendo Ana Rebelo de Carvalho Menéres de Mendonça José Manuel de Almeida Arche Caderno Azul João Borges de Oliveira
Outras Notícias