Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

i3S vai financiar tecnologias de saúde com potencial de mercado

O instituto lançou o programa “Resolve” para apoiar projectos em fase inicial até 75 mil euros, desde que tenham interesse para o mercado.

Negócios 13 de Setembro de 2016 às 16:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

O i3S, entidade que agregou o Instituto de Biologia Molecular e Celular (IBMC), o Instituto de Engenharia Biomédica (INEB) e o Instituto de Patologia e Imunologia Molecular (IPATIMUP), lançou um programa chamado "Resolve" para financiar projectos "com potencial interesse de mercado", segundo um comunicado.

 

O projecto irá aplicar até 75 mil euros por projecto, na área das tecnologias de saúde, com recurso a fundos comunitários. Em cima da mesa estão pelo menos 10 projectos nos próximos dois anos. 


"O número de projectos financiados poderá ser maior, dependendo da qualidade das propostas que surjam. O principal objectivo do "Resolve" é criar as condições necessárias para que tecnologias inovadoras consigam dar rapidamente o salto para uma fase que desperte o interesse de investidores e assim ganharem autonomia", segundo o mesmo comunicado.

 

O programa está, para já, centrado na área da saúde mas poderá expandir-se. "Estamos certos que o Norte2020, poderá aplicar mais recursos financeiros neste programa se os resultados forem positivos", referiu Margarida Rossi um dos membros da equipa do programa, citada no mesmo comunicado. Só dentro de dois anos é que serão conhecidos os resultados.  

 

O programa será apresentado no próximo dia 15 de Setembro, no i3S.
Ver comentários
Saber mais i3S IBMC INEB IPATIMUP Margarida Rossi ciência e tecnologia saúde empresas Resolve fundos comunitários
Mais lidas
Outras Notícias