Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Receitas de televisão paga aumentam 10,4% até Março

No primeiro trimestre as operadoras aumentaram as receitas do serviço de televisão paga para 448 milhões de euros. A Nos lidera o segmento mas a Vodafone foi a operadora que captou mais clientes.

Bloomberg
Sara Ribeiro sararibeiro@negocios.pt 21 de Junho de 2016 às 13:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As receitas do serviço de televisão paga aumentaram 10,4% para 448 milhões de euros de Janeiro a Março deste ano, impulsionadas pelos pacotes de serviço.

De acordo com os dados divulgados pelo regulador do sector, a Anacom, no final do primeiro trimestre existiam cerca de 3,54 milhões de assinantes do serviço de TV por subscrição, mais 28 mil face ao trimestre anterior e mais 150 mil do que no período homólogo.

Este crescimento foi impulsionado pelas ofertas suportadas em fibra óptica, "cujo número de subscritores aumentou 5,2% em relação ao trimestre anterior e 27,4% face ao período homólogo, representando já 24,1% por cento do total de assinantes", detalha a entidade liderada por Fátima Barros.

Os pacotes de serviços continuam a dominar o segmento, representando 88,6% do total de subscritores de televisão paga, tendo crescido em 1,7%.

Quanto às quotas de clientes, a Nos continua a liderar com 44% do total dos subscritores, seguindo-se a Meo, a Vodafone e a Cabovisão com quotas de 40,2%, 10,7% e 4,9%, respectivamente.

De Janeiro a Março a Nos aumentou a quota de mercado em 0,2 pontos percentuais e a Vodafone em 0,5 pontos, tendo sido a operadora que "em termos líquidos mais assinantes captou no trimestre", segundo a Anacom.

A Meo, pelo contrário, perdeu 0,5 pontos e a Cabovisão 0,2 pontos.

Ver comentários
Saber mais Anacom Fátima Barros Vodafone Cabovisão Nos Meo
Mais lidas
Outras Notícias