Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Caos na British Airways causado por erro de trabalhador externo

Na origem da falha informática que levou ao cancelamentos de voos no fim-de-semana passado terá estado um gesto inadvertido de um trabalhador externo à empresa que desligou o fornecimento de energia.

british airways
Reuters
Paulo Zacarias Gomes paulozgomes@negocios.pt 02 de Junho de 2017 às 09:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • 16
  • ...
A situação que no fim-de-semana passado levou a companhia britânica a ter de cancelar centenas de voos a partir dos dois maiores aeroportos do Reino Unido teve origem num erro humano.

O esclarecimento chega uma semana depois de 75 mil passageiros da British Airways terem ficado privados de embarcar a horas nos seus voos: um trabalhador externo à empresa, que fazia trabalhos de manutenção no sistema informático da companhia, desligou inadvertidamente o fornecimento de energia ao sistema de reservas.

A notícia é avançada pelo jornal Times, que cita uma fonte da British Airways. Aparentemente, o sistema informático estava a funcionar sem problemas até que a interrupção de fornecimento de energia deixou os clientes sem poderem fazer o "check-in" e aceder aos "call centers", além de o "site" da companhia na internet ter ficado indisponível. 

Logo na altura em que se instalou o caos nos aeroportos, o CEO da British Airways tinha apontado para que uma falha de energia estivesse na origem do problema, afastando qualquer relação com os casos de ciberataques que tinham afectado mais de 150 países nas semanas anteriores.
Ver comentários
Saber mais British Airways viagens Reino Unido aviação
Mais lidas
Outras Notícias