Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Rosário Partidário já indicou ao Governo os seis coordenadores que vão compor a comissão independente para o novo aeroporto

Os seis coordenadores que vão liderar as equipas de peritos estão ligados ao Ensino Superior e são professores em universidades de norte a sul do país.

A ANA obteve receitas de 422,8 milhões de euros em 2021, mais 47,2% face a 2020.
Miguel Baltazar
Ana Petronilho anapetronilho@negocios.pt 29 de Novembro de 2022 às 15:28

A coordenadora da comissão técnica independente para o novo aeroporto, Rosário Partidário, já indicou ao Governo os seis nomes que vão compor a equipa e que vão ser nomeados como coordenadores de projeto.


De acordo com a carta enviada pelo Conselho de Reitores (CRUP) a que o Negócios teve acesso, os seis coordenadores estão ligados ao Ensino Superior.


A equipa de peritos que vão realizar os estudos de procura aeroportuários e de acessibilidades de infraestruturas e transportes vai ser coordenada por Daniel Murta, professor da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.

Para coordenar a equipa de peritos da área da planificação aeroportuária, incluindo análise de capacidade e planos de desenvolvimento aeroportuário compatíveis com a evolução de um hub intercontinental, vai ser nomeada Rosário Macário, professora no Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa, onde Rosário Partidário também é professora catedrática.


A área de acessibilidades rodoviárias e ferroviárias do novo aeroporto será coordenada pelo professor Paulo Pinho da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. O ambiente pela professora Teresa Fidelis, do Departamento de Ambiente e Ordenamento, da Universidade de Aveiro e os peritos que vão realizar a análise e modelagem económico-financeira vão ser liderados pelo professor Fernando Alexandre, da Faculdade de Economia da Universidade do Minho.

Por fim, a equipa da área jurídica vai ser coordenada pela professora Mafalda Carmona, da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.


Na carta enviada ao Governo lê-se ainda que todos os indicados "foram previamente contactados, tendo "manifestado a sua disponibilidade para assumir as funções de coordenador da respetiva área temática".


Segundo o diploma que cria a comissão técnica independente, a equipa escolhida por Rosário Partidário tem o prazo de 31 de dezembro de 2023 para entregar um relatório final ao membro do Governo responsável pela área das infraestruturas, depois de ouvida a Comissão de Acompanhamento.

Ver comentários
Saber mais novo aeroporto comissão técnica independente peritos coordenadores rosário partidário
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio