Bolsa Bolsa nacional abre em baixa após reunião da Fed

Bolsa nacional abre em baixa após reunião da Fed

O PSI-20 desce pela segunda sessão e está a ser pressionado pelas acções da Galp Energia e Nos.  
A carregar o vídeo ...
Nuno Carregueiro 15 de dezembro de 2016 às 08:15

A bolsa nacional abriu em terreno negativo, embora com variações de pequena dimensão, em linha com as praças europeias.

 

Os mercados estão a reagir ao resultado da reunião da Reserva Federal, que tal como era amplamente expectável, elevou a taxa de juro de referência em 25 pontos base para entre 0,50% e 0,75%.

 

No entanto, a Fed sugeriu que poderá ser um pouco mais agressiva do que o esperado a subir os juros no próximo ano. O documento com as projecções divulgado pelo banco central dos EUA mostra uma revisão em alta do que os membros do FOMC antecipam para a taxa de juro, consistente com três subidas ao longo do próximo ano. A maior parte dos responsáveis antecipa três subidas de 25 pontos base ao longo de 2017.

 

Esta expectativa contribuiu para pressionar Wall Street no final da sessão de ontem, uma tendência que se prolonga na abertura das praças europeias esta manhã.

 

O PSI-20 desce 0,24% para 4.588,15 pontos, com quatro cotadas em alta, oito em queda e seis sem variação. O índice está a ser pressionado pelas acções da Galp Energia e Nos. A petrolífera desvaloriza 0,57% para 14,05 euros e a empresa de telecomunicações cede 1,21% para 5,462 euros.

 

Também em terreno negativo, a Jerónimo Martins cede 0,2% para 14,895 euros, a EDP recua 0,25% para 2,848 euros e a EDP Renováveis desvaloriza 0,58% para 5,79 euros.

 

O BCP, que vem de duas sessões de quedas acentuadas devido à saída do Sabadell do capital, segue estável a negociar nos 1,09 euros.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI