Bolsa Bolsa nacional termina dia em alta com apoio da Nos e do BCP

Bolsa nacional termina dia em alta com apoio da Nos e do BCP

Um ganho de mais de 1% das duas cotadas portuguesas está a impulsionar o índice PSI-20, que acompanha também a tendência positiva dos pares europeu, com o aproximar de negociações entre a China e os EUA em foco.
A carregar o vídeo ...
Gonçalo Almeida 30 de setembro de 2019 às 16:44

O índice PSI-20 ganhou 0,8% para os 4.973,76 pontos, com 15 cotadas em território positivo, uma em queda e duas estáveis. 

Este é também o sentimento das restantes bolsas europeias. Os comentários apaziguadores vindos da China, sobre a relação com os EUA, foram bem recebidos pelos mercados. Ambos os países têm encontro marcado para os dias 10 e 11 de outubro.

Do lado de Washington, a administração de Trump desmentiu as notícias que davam conta que o país estaria a estudar medidas para impedir o investimento de empresas norte-americanas em solo chinês, o que deu algum fôlego aos mercados.

Por cá, a bolsa nacional está a ser impulsionada pelo BCP, que ganhou 1,17% para os 19 cêntimos por ação, num dia em que o JB Capital Markets reviu em alta a recomendação para o banco liderado por Miguel Maya.

O banco de investimento melhorou a recomendação das ações do banco de "neutral" para "comprar". No entanto, anunciou um corte de preço-alvo de 1 cêntimo para os 29 cêntimos.

Hoje, também a Nos terminou o dia em grande e valorizou 1,83% para os 5,01 euros por ação. A ganhar estiveram também os CTT, que subiram 3,31% para os 2,12 euros e a Navigator que avançou 2,05% para os 3,28 euros.

A cair fechou a EDP Renováveis, que perdeu 0,5% para os 9,89 euros por ação, num dia em que fechou um contrato para a venda de energia produzida por um projeto eólico de 100 MW numa região com "fortes recursos eólicos" no México. 

Fora do PSI-20, o Benfica e o Sporting tiveram um dia negativo. Os rivais de Lisboa caíram 4,75% e 7,64%, respetivamente. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI