Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ações da AMC voltam a escalar devido a tradução de uma noticia da Forbes com oito meses

A cotação da empresa norte-americana voltou hoje a subir cerca de 9% a meio da sessão, devido a uma tradução da revista Forbes que dava conta que a Amazon estaria interessada na sua compra.

DR
Gonçalo Almeida goncaloalmeida@negocios.pt 18 de Fevereiro de 2021 às 16:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A AMC, uma distribuidora de cinemas nos Estados Unidos, esteve na baila no início deste ano, quando um grupo de investidores amadores, organizados na rede social Reddit, decidiu comprar ações desta empresa como forma de "ataque" a alguns fundos de investimento que tinham apostado na sua queda. 

Mas depois, quando tudo serenou, as ações passaram dos quase 20 dólares para o patamar dos 5 dólares. Só que hoje, a cotação da empresa voltou a disparar cerca de 9% a meio da sessão em Wall Street, devido à publicação de um artigo na edição francesa da revista Forbes.

O artigo, publicado hoje na edição gaulesa da revista, dava conta que a gigante norte-americana Amazon tinha intenção de comprar a AMC. Só que esta publicação era uma tradução de um artigo da versão norte-americana da Forbes, de uma revista que saiu já em maio do ano passado.

Apesar deste intervalo temporal de quase um ano, a procura pelas ações da AMC voltou a subir na sessão desta quinta-feira. Na pré-abertura de sessão, as ações chegaram mesmo a subir 19%.

Contudo, em ambas as versões da Forbes se pode ler que a vontade da Amazon seria apenas "pura especulação", o que não impediu esta corrida às ações da AMC.

Hoje, haverá uma audiência no comité das finanças da Casa Branca sobre o que se passou com empresas como a AMC ou a GameStop, numa tentativa de perceber se o que aconteceu foi, ou não, um movimento de manipulação dos mercados, que pode ser punível por lei.
Ver comentários
Saber mais Forbes AMC Estados Unidos Reddit Amazon economia negócios e finanças media imprensa
Outras Notícias