Mercados Negociações entre China e EUA retraem Wall Street

Negociações entre China e EUA retraem Wall Street

A aproximação de novas conversações entre Washington e Pequim está a semear algum nervosismo nos mercados, depois de a China se ter mostrado relutante em chegar a um acordo com os EUA.
Negociações entre China e EUA retraem Wall Street
Reuters
Gonçalo Almeida 07 de outubro de 2019 às 14:37

Os principais mercados de Wall Street abriram a primeira sessão da semana a negociar em queda, pressionados pelos mais recentes sinais de que um acordo entre os EUA e a China poderá não acontecer nesta semana, altura em que os dois países vão voltar à mesa das negociações. A Casa Branca já confirmou que as conversações serão retomadas na quinta-feira, 10 de outubro, tal como estava previsto. 

O Dow Jones cai 0,27% para 26.502,33 pontos, o Nasdaq perde 0,33% para 7.956,19 pontos e o S&P500 esorrega 0,30% para 2.943,8 pontos.

O vice-primeiro-ministro chinês Liu He disse que a China não ia incluir na sua proposta de acordo algumas exigências de Donald Trump, como é o caso algumas reformas da política industrial, ou alguns subsídios que a administração da Casa Branca queria ver no acordo.

Ainda assim, a travar maiores perdas nas bolsas está a hipótese de um novo corte de taxa de juro diretora por parte da Reserva Federal, após a reunião de dois dias marcada para o final deste mês.

Jerome Powell, presidente da Fed, já anunciou dois cortes na taxa de juro este ano e prepara-se para o terceiro. Antes do relatório do emprego norte-americano, os mercados viam 85,2% de hipótese de corte de taxas. Após os dados do emprego, o número caiu para 81,1%, segundo a CME FedWatch Tool. 

Por outro lado, os analistas estão a antecipar a pior época de resultados desde 2016, com os ganhos das empresas cotadas no S&P 500 a perderem 2,6% em termos homólogos, segundo dados da Reuters.

Entre as empresas, a Uber sobe 3,2% depois de o Citigroup ter aumentado a recomendação da empresa para "comprar".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI