Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP colocou cerca de 673 milhões da emissão de mil milhões de dívida verde

"O propósito da oferta lançada em conjunto com a emissão de novas 'green notes' subordinadas é gerir proactivamente os instrumentos híbridos", escreve a EDP no comunicado em que anunciou a operação. 

Miguel Stilwell d’Andrade é CEO da EDP desde janeiro de 2021.
Miguel Baltazar
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 23 de Janeiro de 2023 às 11:23
A EDP espera que o montante final da oferta de venda em dinheiro dos valores mobiliários representativos de dívida no valor de mil milhões de euros e maturidade em 2079 seja de aproximadamente 672,8 milhões de euros, de acordo com um comunicado da elétrica enviado esta segunda-feira à Euronext Dublin.

A oferta expirou às 16:00 da passada sexta-feira.

"O propósito da oferta lançada em conjunto com a emissão de novas 'green notes' subordinadas é gerir proactivamente os instrumentos híbridos", escreveu a EDP no comunicado em que anunciou a operação. 

A EDP pretende assim "emitir uma nova série de instrumentos representativos de dívida subordinada 'fixed to reset' com denominação em euros, sujeita a condições de mercado", referindo que os mesmo "não são garantidos (unsecured), são sénior apenas relativamente às ações ordinárias da EDP e subordinados às suas obrigações seniores".

"As receitas da emissão serão destinadas ao portfólio de projetos verdes elegíveis do grupo EDP", rematava o comunicado.
Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio