Fernando  Sobral
Fernando Sobral 20 de junho de 2018 às 20:27

Em busca da magia 

Nesta complexa Disneylândia política de contínuo desgaste, o CDS não descola e não consegue deixar de ser uma mera muleta para as aspirações do PSD.

Em "Harry Potter e a Ordem da Fénix", o Ministério da Magia é inspirado em Whitehall, o nome da avenida no centro de Londres onde estão localizados os ministérios. É ali que os trouxas, as pessoas normais, residem. São normais porque não fazem magia, apenas aplicam truques. Em São Bento aplica-se a mesma norma: o Governo não faz magia; desdobra-se em truques. O maior de todos eles será conseguir transformar os professores em pombas da paz, algo que parece não estar ao alcance de Tiago Brandão Rodrigues, ilusionista de reduzidos recursos. Os professores são a grande pedra no sapato na maioria absoluta que o PS desejaria alcançar, algo que nem o gato Aquiles, que adivinha as vitórias da Rússia no Mundial, tem capacidade para prever. Nesta inépcia para a magia, o Governo não está só: o PSD, que tem várias opiniões sobre o assunto (a começar pela do governo regional da Madeira), também só faz truques. E o PCP também já se deixou contaminar pelo mundo de Harry Potter. Sendo as reivindicações dos professores um pântano, o PS arrisca-se a ver a maioria absoluta por um canudo e o PSD sonhará com uma vitória só no mundo da realidade virtual.

 

O que é curioso é que nesta complexa Disneylândia política de contínuo desgaste, o CDS não descola e não consegue deixar de ser uma mera muleta para as aspirações do PSD. Sem ter intensidade dramática (foi deprimente ver Rui Rio levantar o tom de voz para dizer que é uma "aldrabice política" dizer-se que há "milagre económico"), nem perfeição estética, o PSD continua a ter um programa de alternativas políticas, económicas e sociais que ninguém sabe qual é. Assim é impossível manter um espectáculo constante face a um Governo que vive de António Costa e alguns ministros, mas cuja maioria vegeta à sua sombra. O sucesso de um "reality show" político é que os espectadores não deixem de se entusiasmar, esperando sempre que um capítulo seja melhor do que o anterior. E o PSD ainda não consegue fazer isso como Harry Potter.

 

Grande repórter

pub

Marketing Automation certified by E-GOI