Trading Roma perde mais de 6% em bolsa e o “culpado” é o Porto

Roma perde mais de 6% em bolsa e o “culpado” é o Porto

O AS Roma está a deslizar em bolsa, depois de ter sido afastado da Liga dos Campeões pelo Futebol Clube do Porto.
Sara Antunes
Sara Antunes 07 de março de 2019 às 10:00

O Roma está a cair 5,89% para 0,511 euros, tendo já perdido um máximo de 6,63%, o que corresponde à maior queda intradiária desde 28 de novembro. A justificar o desempenho está a derrota ontem frente o Futebol Clube do Porto, que eliminou a equipa italiana da Liga dos Campeões.

 

O Porto recebeu esta quarta-feira, 6 de março, o Roma para disputar a segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. A equipa portuguesa vinha com uma derrota por 2-1 de Itália e conseguiu empatar a eliminatória durante os 90 minutos, o que levou ao prolongamento do jogo.

 

Foi aí que a equipa sob o comando de Sérgio Conceição conseguiu marcar mais um golo, terminando assim os oitavos de final com um resultado conjunto de 4-3. Esta passagem para a próxima fase da Liga Milionária representa uma receita extra de 10,5 milhões de euros para os clubes. E se continuarem na competição poderão conseguir mais 31 milhões de euros.

 

E é precisamente o facto de não encaixar esta receita que acaba por ditar a queda das ações da Roma.

 

Já os títulos do FC Porto ainda não transacionaram, uma vez que esta cotada negoceia por chamada. Em cotadas como o Porto, que têm pouca liquidez ou pouca dispersão em bolsa, a negociação não é contínua, mas sim por chamada. Ou seja, as ordens só entram duas vezes por dia: uma às 10:30 e outra às 15:30. 

Se as ordens que tiverem entrado corresponderem a uma variação superior a 10% (a partir da qual é espoletado o travão automático) há um congelamento das ordens. Isto na primeira chamada após a sessão anterior, dado que na segunda chamada o travão já é superior.

 

Também poderá não haver concretização das operações se as ordens de compra não satisfazerem as ordens de venda, com os preços de quem quer comprar a não coincidirem com as ofertas de vendas disponíveis.

Já ontem houve outros dois jogos, com o Ajax a eliminar de forma surpreendente o Real Madrid, o que ditou uma subida acentuada das ações do clube holandês. O outro jogo desta quarta-feira foi protagonizado pelo PSG Manchester United, com a equipa britânica a conseguir o apuramento. Nenhum destes clubes está cotado em bolsa. 

 



Conheça mais sobre as soluções de  trading online da DeGiro.

Marketing Automation certified by E-GOI